Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

A lista negra do comércio eletrônico

0

Nada mais frustrante do que comprar um produto pela internet e não recebê-lo, certo? Problemas com sites de compras fraudulentos são muito comuns e é preciso ficar atento antes de efetuar suas compras pela rede.

Para os internautas mais atentos, desde o ano passado foi disponibilizada uma lista de sites que não são confiáveis, por terem sido alvo de reincidentes reclamações. Desde então, essa lista é atualizada e já conta com 323 endereços de sites. Como uma verdadeira lista negra, o Procon pretende incentivar as pessoas a evitarem determinados sites que possuem relevante número de reclamações.

Com a chegada do fim do ano e o recebimento do décimo terceiro, aumenta o fluxo de comércio na web e, consequentemente, o número de compradores decepcionados com  os serviços prestados pelos site de venda e compra. Para se ter uma ideia, só entre os meses de setembro e outubro foram adicionados 18 sites na lista de sites duvidosos do Procon.

Uma dica de ouro: desconfie de produtos com preço muito abaixo do mercado, observe os certificados de segurança e faça buscas na internet sobre possíveis reclamações de clientes anteriores.

Confira a lista dos sites não recomendados pelo Procon, aqui.

Comentários
Carregando