fbpx
Abandonada, obra do Hospital Regional de Ariquemes vira piscinão de zika e dengue

Orçada em R$ 35 milhões, esqueleto abandonado vem causando indignação e virou risco à saúde pública da cidade

Com a pedra fundamental lançada no dia 2 de Junho de 2015, o que era pra ser a salvação dos doentes que sofrem na região do Vale do Jamari, tornou-se um pesadelo para a população de Ariquemes.

Trata-se do novo hospital, que faz parte do programa de descentralização do atendimento de média e alta complexidade no Estado. Com um projeto de ter 140 leitos, sendo 113 de internação, seis de unidades de cuidados intermediários, 20 leitos unidade de tratamento intensivo (UTI), seis leitos de recuperação pós-anestésica e cinco centros cirúrgicos, tudo isso só está no papel.

A obra orçada em pouco mais de R$ 35 milhões está abandonada por parte do estado e o sonho começou a virar pesadelo.

“100 dias”

Esse foi o tempo que durou para que os primeiros problemas relacionados às obras de construção do Hospital Regional de Ariquemes aparecessem. O Hospital Regional seria para atender a região do Vale do Jamari, composta pelos municípios de Ariquemes, Alto Paraíso, Buritis, Cacaulândia, Campo Novo de Rondônia, Cujubim, Machadinho do Oeste, Monte Negro, Rio Crespo que somam mais de 250 mil habitantes.

Moradores de Ariquemes estão indignado com o estado pelo que está acontecendo, “É lamentável, mas, sinceramente eu já esperava por isso. Temos um vendaval de obras paradas em Ariquemes”, observa Edson, do Setor 09 Debaixo. “É, Ariquemes está perdida com nossos governantes. Precisamos tanto de um novo hospital. Fico muito triste com tudo isso”, relata Laudiceia, Setor 08. “Não me surpreende. Eles deveriam primeiro terminar as várias obras que estão abandonadas no município, para depois sim, começar outras”, opina Maria Auxiliadora, moradora do Setor 03.

E de fato a população de Ariquemes está coberta de razão ao se revoltar com a paralisação dos trabalhos. Tem muito dinheiro público apodrecendo em várias obras abandonadas no município. Somente na Avenida Tancredo Neves, centro da cidade, temos a obra do teatro, que já se estende por 10 (dez) anos e a UPA – Unidade de Pronto Atendimento, que inclusive fica ao lado das obras do Hospital Regional.

Se já era difícil de acreditar que a obra seria concluída em até 18 meses, prazo estipulado pelo próprio governador Confúcio Moura, agora ficou impossível. Espera-se que o provável problema burocrático ocorrido entre o estado e a Caixa Econômica seja resolvido com urgencia.

Pior que enquanto o governo gasta milhões em campanhas de prevenção e combate ao mosquito aedes aegypt, as obras do hospital que estão abandonadas, viraram um enorme criadouro do mosquito, colocando em risco à saúde da população. A reportagem de PAINEL POLÍTICO® esteve no local. Confira fotos:

har1
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har2
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har3
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har4
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har5
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har6
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har7
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har8
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har9
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har10
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har11
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
har12
Obras do Hospital Regional de Ariquemes estão abandonadas
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

1 thought on “Abandonada, obra do Hospital Regional de Ariquemes vira piscinão de zika e dengue

  1. Isso realmente é revoltante, mos o que é mais revoltante ainda é que esses politicos que estão aí se candidatam novamente e o povo novamente vota neles. Ariquemes é um campo de politicos irresponsàveis: se elegem, passam 4 anos sem trabalhar e quando està chegando a epoca da politica começam a tapar buracos nas ruas pra dizer que ta trabalhando. E o pior o povo acredita e vota novamente no ditocujo. Olha os vereadores: tem uns 3 ou 4 mostrando trabalho, mas onde estao os outros. Aliàs quantos vereadores ariquemes tem? E quem são eles?. Enquanto o povo não aprender a votar nós seremos tratados com desreipeto e descaso pelo poder público executivo. Sem generalizar.

Deixe uma resposta