Acadêmico é esfaqueado durante assalto na Ulbra e alunos alegam ‘descaso’

Inúmeros  acadêmicos reclamam da falta de segurança e escuridão no local

Um acadêmico do curso de Direito da faculdade Ulbra, em Porto Velho, foi esfaqueado na noite de quarta-feira (02) durante assalto ocorrido no estacionamento da instituição.

De acordo com informações de testemunhas, o jovem estava se dirigindo ao veículo, no estacionamento que fica dentro da faculdade, quando foi abordado por dois suspeitos em uma motocicleta de cor escura.

A dupla anunciou o assalto, exigindo o aparelho celular e dinheiro. Os suspeitos subtrairam certa quantia que estava na carteira do acadêmico e jogaram ela ao chão. No instante em que o universitário abaixou para pegar foi atacada com uma facada nas costas.

Em ato contínuo, a dupla fugiu. O jovem foi socorrido por uma equipe do SAMU e levado às pressas para o hospital João Paulo II. O estudante não teve o nome divulgado.

Equipes da Polícia Militar realizaram buscas com o intuito de capturar os suspeitos, mas sem sucesso. Inúmeros  acadêmicos reclamam da falta de segurança e escuridão no local.

Ainda segundo testemunhas, não é a primeira vez que alunos são abordados por marginais no estacionamento, especialmente o que fica em frente à faculdade,  mas nunca ocorreu de algum deles serem feridos.

Os estudantes relataram que  o estacionamento que fica na parte interna da faculdade possui iluminação em apenas uma parte dele, na área onde existem as árvores fica totalmente  escuro. E nessa área (das árvores) os alunos também utilizam como estacionamento.

Os acadêmicos relataram que já foram feitas diversas reclamações, porém a direção nunca tomou providências para resolver a questão da iluminação e da segurança. “A noite, o estacionamento em frente à faculdade praticamente não é utilizado e, quando colocamos o veículo lá, sempre vamos em grupo com receio de que algo acontença”.

A Faculdade Ullbra está localizada no Bairro Mato Grosso, um dos mais  violentos da capital.

Em nota, alunos repudiam violência e cobram segurança

Os discentes dos cursos de Psicologia, Direito, Administração, Educação Física, Sistemas Elétricos e Engenharia da Produção da ILES/ULBRA repudiam qualquer tipo de violência contra estudantes, funcionários e clientes da instituição que vêm sofrendo constantemente com o descaso com o descaso às condições de segurança nos arredores e no interior da faculdade.

Essa nota tem o interesse de demonstrar a insatisfação dos alunos de maneira pública a fim de que possamos trazer maior atenção às agressões, assaltos e temor que os alunos passam devido ao descaso das autoridades.

Os alunos dos cursos desejam e necessitam de uma comunicação mais aberta com a instituição e comunidade para que possamos encontrar soluções eficientes a ambos os beneficiados da comunidade acadêmica.

Discentes ILES/ULBRA

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário