Acadêmicos da Unir em Vilhena protestam por melhorias no campus

Com a frase “Somos Interior, Somos Unir” um grupo de acadêmicos da Universidade Federal de Rondônia, Campus Vilhena, fez uma manifestação de modo pacífico na noite da última sexta-feira, 6 de maio, para reivindicar melhorias na Instituição.

O manifesto que foi de iniciativa acadêmica mostrou através de cartazes, a insatisfação dos alunos, no que se refere, à má qualidade da internet, falta de livros na biblioteca, falta de um Restaurante Universitário (R.U), atrasos dos auxílios e a falta do direito de desenvolver projetos culturais dentro do campus.

Em entrevista a uma das organizadores do manifesto, Leuziene Lopes, informou que os acadêmicos já haviam realizado uma reunião há duas semanas onde problematizaram as situações que estão afetando os acadêmicos de um modo geral, e que por esse motivo criaram um grupo denominado “Jornalismo Ativo”.

A ideia surgiu após os atrasos dos auxílios estudantis que vem ocorrendo somente no interior do Estado e, no decorrer do manifesto surgiram outras exigências que foram colocadas em pauta. Porém, antes que os cartazes fossem expostos ao público, foi feito um pedido de autorização ao Diretor da Universidade.

“A indignação se refere ao porquê dessa divisão entre o campus do interior e da capital. Queremos é ser integrados e ter os mesmos benefícios que eles desfrutam, até por que somos todos UNIR”, finalizou Leuziene.

academicos
Acadêmicos fazem manifestação pacífica por melhorias e integração
academicos-1
Acadêmicos fazem manifestação pacífica por melhorias e integração
academicos-2
Acadêmicos fazem manifestação pacífica por melhorias e integração
academicos-4
Acadêmicos fazem manifestação pacífica por melhorias e integração

Informações da Folha de Vilhena – Fotos/divulgação

News Reporter
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta