Acusado de matar caminhoneiro com pedrada na cabeça em RO é preso, diz ministro

Anúncio foi feito durante coletiva de imprensa em Brasília. Suspeito e líder do grupo estão sendo ouvidos

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, anunciou na noite desta quarta-feira (30) que o suspeito de matar o caminhoneiro com uma pedrada na cabeça foi preso em Vilhena (RO), a 700 quilômetros de Porto Velho.

O ataque contra o motorista aconteceu durante a tarde, quando o condutor seguia sentido Comodoro (MT).

Segundo Jungmann, o principal suspeito está prestando depoimento neste momento e o líder do grupo também está sendo ouvido por policiais.

Segundo informações iniciais da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o veículo de José estaria passando pela rodovia, quando uma pessoa em um carro de passeio arremessou a pedra contra o parabrisa, que atravessou o vidro e atingiu a cabeça da vítima. O Corpo de Bombeiros chegou a ir no local, mas a vítima não resistiu aos ferimentos.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário