Advogada vai ao Urso Branco ver seu cliente e servidores a trancafiam no parlatório

Parece piada, mas não é!!! na manhã de hoje, uma advogada inscrita na OAB/RO narrou que ter sido trancafiada no parlatório do presídio José Mario Alves da Silva (Urso Branco), enquanto pretendia exercer sua atividade profissional e falar com alguns clientes. De acordo com a advogada, somente após gritar e esmurrar, a porta, enfim, foi destrancada.

A advogada acionou as prerrogativas que enviou ao local representante da Comissão de Defesa das Prerrogativas e de Assuntos Penitenciários que oficiaram a Diretoria do Urso Branco para que informe todos os dados dos agentes penitenciários que atuavam no plantão de hoje na unidade prisional, bem como o encaminhamento de outros documentos que subsidiem análise de eventual representação pelos crimes de abuso de autoridade e cárcere privado.

O expediente noticiando o fato e pedido o acesso a documentos para instruir procedimento foi levado pessoalmente pelo Presidente da Comissão de Assuntos Penitenciários, Vinicius Soares, e os Membros da CDP, Saulo Correia, Francisco Abreu e o Conselheiro Seccional Gustavo Menacho.

A CPD já orientou a Advogada a fazer pedido de providências e adotará todas as medidas para responsabilidade dos agentes penitenciários que a sujeitaram à constrangedora situação.

Eventuais óbices podem ser imediatamente informados à equipe de plantão da CDP, por meio do telefone (69) 8419-4540. A equipe é composta por quatro advogados plantonistas, e destina-se à intervenção imediata em situações de urgentes de violação de prerrogativas profissionais.

Comissão de Defesa das Prerrogativas – A Advocacia Livre e Respeitada

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

1 thought on “Advogada vai ao Urso Branco ver seu cliente e servidores a trancafiam no parlatório

Participe do debate. Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: