Advogados de Cabral que prestavam serviços a Eike, também serão investigados

Ary Bergher e Rafel Mattos participaram de reuniões para a montagem do esquema.

A participação dos advogados Ary Bergher e Rafael Mattos no esquema Sergio Cabral/Eike Batista será investigada.

De acordo com a decisão do juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal, ambos precisarão esclarecer por que estiveram presentes em reuniões para articular a transferência de recursos de Eike Batista para Sergio Cabral no exterior.

Nessas reuniões, algumas delas realizadas na casa de Ary Bergher, ficava claro o teor fraudulento do contrato entre as empresas Arcadia e Centennial, utilizadas para o envio dos 16,6 milhões de dólares.

Ary Bergher é advogado de Sergio Cabral, Adriana Ancelmo e, nos últimos tempos, também prestava serviços a Eike Batista.

Fonte: veja.com

News Reporter

Deixe uma resposta