Advogados de Parisotto usam foto de Brunet para negar agressão

Na imagem, publicada três dias após a suposta agressão, a atriz não exibe marcas no rosto

Os advogados do empresário Lírio Parisotto, acusado de bater na ex-mulher Luiza Brunet, enviaram ao Ministério Público (MP) uma foto da atriz, postada no Instagram no dia 24 de maio, três dias após a suposta agressão, em que ela não exibe marcas de lesões no rosto.

Advogados de Parisotto entregaram foto de rede social
Advogados de Parisotto entregaram foto de rede social

Na foto compartilhada pela atriz, Luiza aparece sorrindo, sentada em um carrinho de transporte dentro dos Estúdios Globo, onde ela grava suas participações como a personagem Madá, da novela Velho Chico.

De acordo com a modelo, a agressão teria acontecido em 21 de maio, nos Estados Unidos. Ela afirmou que o então marido deu um soco em seu olho, a chutou e quebrou quatro de suas costelas.

Luiza Brunet pediu R$ 100 milhões para separar de Lírio, que é um dos homens mais ricos do Brasil.

O empresário negou as agressões, o que houve, segundo ele, foi “uma defesa”.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta