Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Aécio Neves decide colocar Alberto Goldman na Presidência do PSDB

Ex-governador de São Paulo, Goldman é o vice mais velho da legenda e por isso teria sido escolhido pelo mineiro

0

Pouco depois de destituir Tasso Jeiressati (CE) do comando nacional do PSDB e assumir a legenda, o senador Aécio Neves (MG) resolveu deixar na Presidência do partido o vice-presidente Alberto Goldman. Ex-governador de São Paulo, Goldman é o vice mais velho da sigla e, por isso, teria sido escolhido pelo mineiro.

Na tarde desta quinta-feira (9/11), Aécio foi pessoalmente ao gabinete de Tasso comunicá-lo de sua decisão. Ele teria sido pressionado por ministros tucanos para tomar essa atitude. O ex-governador de Minas Gerais argumentou que era preciso garantir a isonomia na disputa pela Presidência do PSDB, marcada para dezembro. Segundo Aécio, liderando os tucanos, Tasso estaria em vantagem – nesta quarta (8), o cearense formalizou sua candidatura a presidente nacional do PSDB.

Além de Jereissati, concorre ao cargo o governador de Goiás, Marconi Perillo. Em nota divulgada por volta das 17h30, o goiano classificou de “correta e justa” a retirada do rival do comando partidário. Segundo ele, a medida “restabelece o equilíbrio de formas para a disputa na Convenção Nacional.”

“Seria antiético e nem um pouco isonômico o processo se essa decisão não fosse adotada, já que a máquina partidária poderia pender para o lado de quem estivesse no comando do partido”, ressaltou Perillo, em trecho da nota divulgada. Ele também destacou a história e biografia “respeitáveis” de Alberto Goldman. “Por certo, conduzirá com isenção, espírito público e ética o processo sucessório interno nos 30 dias que antecedem a convenção, marcada para 9 de dezembro”, acrescentou.

Fonte: metropoles

Comentários
Carregando