Anvisa aprova medicamento para tipo raro de câncer de pele

O novo medicamento foi elaborado em parceria da Merck com a Pfizer e tem como objetivo promover uma ampla investigação no campo da imuno-oncologia

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou o uso do imunoterápico Bavencio (avelumabe, 20mg/ml uso intravenoso). O medicamento é o mais indicado para Carcinoma de Células de Merkel, também conhecido como CCM, um tipo raro e agressivo de câncer que se forma mais frequentemente na pele.

O novo medicamento foi elaborado em parceria da Merck com a Pfizer e tem como objetivo promover uma ampla investigação no campo da imuno-oncologia.

“Até agora, os pacientes brasileiros não tinham opções para tratar esse tipo raro e devastador de câncer. Essa notícia é ainda mais positiva, considerando que é uma opção de imunoterapia para os pacientes que já enfrentam dificuldades de viver com a doença”, afirmou Ricardo Blum, diretor-médico da Merck.

Na Europa, um total de 2.500 pessoas são diagnosticadas com a doença a cada ano, das quais entre 5% e 12% são diagnosticadas já em fase metastática. Cerca de 1 em cada 3 europeus com esse tipo de câncer morre anualmente. No Brasil, ainda não há dados epidemiológicos específicos disponíveis para o CCM.

Fonte: istoé

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Participe do debate. Deixe seu comentário