Anvisa registra primeiro medicamento à base de maconha no Brasil

Anvisa registra primeiro medicamento à base de maconha no Brasil

Feito com Cannabis sativa, ele será usado para tratar rigidez excessiva dos músculos em pacientes com esclerose múltipla

Com o nome comercial de Mevatyl, o primeiro medicamento à base de maconha teve o registro aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no Brasil, pela primeira vez.

Feito com Cannabis sativa, ele será usado para tratar rigidez excessiva dos músculos em pacientes com esclerose múltipla.

Segundo informações do portal G1, o medicamento contém tetraidrocanabinol (THC) em concentração de 27 mg/mL e canabidiol (CBD) em concentração de 25 mg/mL.

A droga já é aprovada em outros 28 países, incluindo Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Dinamarca, Suécia, Suíça e Israel, onde é conhecido por Sativex.

A Anvisa alerta que o medicamento não é indicado para tratar epilepsia nem pode ser consumido por pessoas com menos de 18 anos. Até então, no país era liberada apenas a importação de medicamentos à base de Cannabis sativa comprados em outros países, mas não havia um produto dessa categoria com registro no país.

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!
Por favor, dê um like em nossa página no Facebook
Placeholder
Anterior «
Próximo »

Muryllo F. Bastos é advogado, editor do site e Painel Político. Natural de Vilhena.

  • facebook
  • googleplus

Deixe uma resposta

Direto de Brasília

Associado da Liga de Defesa da Internet