Após apoio a Haddad, maioria dos partidos migra para base de Doria

Prefeito eleito assumirá com vereadores aliados suficientes para a votação de seus principais projetos.

Maior parte dos partidos que apoiaram o governo do atual prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, já anunciaram que vão se juntar ao prefeito eleito João Doria, que assumirá o cargo no próximo dia 1º de janeiro.

Dessa forma, o pessedebista assumirá com vereadores aliados suficientes para a votação de seus principais projetos, segundo publicou a Folha de S. Paulo.

As medidas propostas pelo prefeito eleito vão na contramão do que realizou Haddad, como privatizações de equipamentos municipais e alterações no modelo urbanístico da cidade.

Por outro lado, Doria deve enfrentar desavenças dentro do próprio partido.

De acordo com a matéria, ele apoiou a candidatura do vereador Milton Leite à presidência do Legislativo e não a de Mário Covas Neto, que é presidente municipal do PSDB.

Fonte: noticiasaominuto

Deixe uma resposta