Após sofrer infarto, campeã mundial de boxe morre aos 26 anos

Morreu nesta terça-feira, na cidade de Perpinhã, na França, a campeã mundial peso-pluma da WBF (Federação Mundial de Boxe), Angélique Duchemin.

A boxeadora de 26 anos estava internada desde o último dia depois que sofreu um infarto durante o treinamento.

Após a internação, Angélique teve uma embolia pulmonar, que a levou à morte.

A francesa era uma estrela em ascensão na modalidade. Campeã europeia desde dezembro, ela sagrou-se campeã mundial há três meses.

Angélique treinava em um clube da cidade de Thur quando sofreu o infarto.

A atleta tinha um cartel de 14 vitórias (três nocautes) e nenhuma derrota.

Fonte: 24horasnews

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta