Atraso na menstruação não é o único sinal de gravidez; conheça outros

A menstruação atrasada é o primeiro alerta para uma gravidez, porém, de acordo com o ginecologista e obstetra Domingos Mantelli, o corpo da mulher dá outros sinais que, se combinados, podem confirmar a gestação. Confira sete mudanças corporais que ocorrem logo no início da gravidez.

Sangramento vaginal

O embrião se instala na parede do útero até o começo da segunda semana após a relação sexual. Esse processo pode ocasionar sangramento vaginal mínimo, com duração de um dia

Dor e sensibilidade nas mamas

O aumento da irrigação de sangue na região faz com que as mamas aumentem e fiquem mais doloridas. Além disso, os mamilos tendem a escurecer

[su_frame align=”right”] [/su_frame]Muita vontade de urinar

Ter mais vontade de urinar é bastante frequente no primeiro trimestre de gravidez. Isso ocorre devido às mudanças hormonais no corpo da futura mamãe

Sangramento na gengiva

Os hormônios da gravidez podem fazer com que a gengiva inflame e inche. O sangramento aparece, principalmente, quando a mulher escova os dentes e passa o fio dental

Intestino preso

Os níveis de progesterona elevados e a compressão do intestino pela dilatação do útero causam prisão de ventre na maioria das grávidas. Também é comum a produção de gases pelo relaxamento da musculatura, principalmente a do sistema digestivo, fazendo com que os alimentos permaneçam por mais tempo no tubo digestivo

Vontade de chorar

As mudanças de humor são comuns e muito semelhantes ao que a maioria das mulheres sente na tensão pré-menstrual (TPM). De acordo com o médico, os responsáveis por isso são os níveis de estrogênio e progesterona

Alterações visuais

Olhos secos, aumento do grau, pálpebras inchadas, maior sensibilidade à luz e dificuldade para usar lentes de contato são frequentes na gravidez. Os sintomas devem desaparecer ao final da gestação

 

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

1 thought on “Atraso na menstruação não é o único sinal de gravidez; conheça outros

Deixe uma resposta