Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Autismo é tema de discursos em sessão na Assembléia Legislativa

0

O Dia de Conscientização Mundial do Autismo, celebrado neste dia 2 de abril, foi discutido por diversos deputados durante a sessão ordinária na Assembleia Legislativa nesta quarta-feira (1º). O autismo é um transtorno de desenvolvimento que geralmente aparece nos três primeiros anos de vida e compromete as habilidades de comunicação e interação social.

Inclusive nesta quinta-feira, às 17h, em um evento realizado pelo Centro Multidisciplinar Movidos pelo Amor ao Autismo (CMMAA), da Associação Wesleyana de Ação Social (AWAS Central), serão soltos 500 balões azuis no estacionamento da Uniron no Porto Velho Shopping em comemoração ao Dia Mundial de Conscientização e o deputado Aélcio da TV (PP) convidou todos a comparecerem vestidos de azul, que é a cor que representa o autismo.

O presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (PP), disse que trabalha há 22 anos com assistência social e só recentemente teve conhecimento do autismo e o quanto ela afeta às famílias brasileiras. Inclusive informou que está encaminhando ofício ao Governo do Estado, com o apoio dos demais parlamentares para pedido de cedência do prédio da antiga Procuradoria Geral do Estado, localizada na avenida Costa e Silva para a Associação de Pais e Amigos do Autista de Rondônia (AMA).

“A AMA atende 30 crianças, e estão na lista de espera atualmente 50 crianças, mas durante todos os anos de existência da AMA essa lista de espera chegaria a 200. Precisamos estender as nossas mãos para ajudar essas pessoas”, destacou Maurão.
O deputado Dr. Neidson (PTdoB) destacou que o autismo é uma síndrome que vem se alastrando pelo mundo inteiro, muitas vezes passa despercebida pelos pais e deve ser diagnosticada precocemente e tratada por uma equipe multidisciplinar. “Dependendo do grau do autismo a pessoa não expressa dor, tem dificuldade com a linguagem e a comunicação. Cabe a nós deputados conscientizar a população sobre o assunto”, afirmou.

Disse, ainda, que o Ministério da Saúde não faz campanha de divulgação sobre o autismo e as consequências no desenvolvimento intelectual e social são gravíssimas se não houver tratamento a tempo. “Essas crianças precisam ser ensinadas a viver. O agravo é múltiplo e o tratamento também tem que ser. Só a cedência desse prédio é um avanço mesmo. Precisamos de instituições que tratem o autismo nos 52 municípios. Temos que lutar para que lutar para que isso aconteça e amanhã vamos vestir azul”, frisou.

O deputado Adelino Follador (DEM) destacou o grande trabalho que a Associação de Mães de Autistas de Ariquemes (AMAAR) faz e ajuda a aliviar a dificuldade dessas famílias que têm filhos autistas. “Há pouco tempo as pessoas desconheciam o autismo até que fosse divulgado na novela. O governo precisa dar uma atenção especial para a estruturação dessas associações. Destinei emenda parlamentar para equipar a AMAAR e ela já conseguiu o terreno. São medidas que podem aliviar um pouco a carga sobre essas famílias. Conclamo todos os deputados a serem parceiros dessas entidades”, destacou.
O deputado Ezequiel Júnior (PSDC) parabenizou pela iniciativa e disse que também tem dado apoio a AMAAR. Ele disse ser importante abordar este tema para que haja mais investimentos na qualidade de vida dessas crianças.

Por Liliane Oliveira ─ Alerta Rondônia.

Comentários
Carregando