Babá diz que marido de pastora se trancava no quarto com enteado

A acusação reforça a denúncia feita por Bianca de que seu marido abusava do menino de 5 anos

O caso envolvendo a acusação de pedofilia da pastora Bianca Toledo contra seu marido, o também pastor Felipe Heiderich, ganhou mais um elemento nesta quinta (8).

As babás do filho de Bianca, que seria vítima de Felipe, que está preso em Bangu 10, disseram que o pastor ficava sozinho com a criança no quarto durante as viagens da esposa.

A acusação reforça a denúncia feita por Bianca de que seu marido abusava do menino de 5 anos. O advogado de Felipe negou todas as acusações, entre elas, a de que o pastor teria tentado o suicídio após confessar o crime.

SUSPEITAS

Bianca informou a amigos que uma das babás fez queixa à ela sobre a presença de Felipe no quarto de seu filho. A partir daí ela passou a desconfiar do marido. Após seis meses casados, Bianca alegou que Felipe passou a se recusar a se relacionar sexualmente com ela e que chegou a dizer, há cerca de um mês, que ele estava com uma suspeita de tumor.

Felipe chegou a confirmar a existência do tumor, mas a pastora conseguiu desmentir o caso após ligar para a médica.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta