Barbáries no Espírito Santo mostram que o Brasil está longe da civilidade

Saques, espancamentos, assassinatos são registrados em plena luz do dia

Brasília – A situação no Espírito Santo em função da greve ilegal da Polícia Militar mostra que o Brasil está muito longe de ser um país civilizado. Assassinatos, saques e espancamentos se tornaram epidêmicos. Dezenas de vídeos circulam em grupos de Whatsapp mostrando as barbáries como se fossem atos normais.

Atos similares são vistos em países em guerra, ou em regiões remotas da África. A selvageria assustadora vem deixando a população refém de criminosos que não respeitam nada. Até que o Estado volte à normalidade, deve demorar pelo menos mais uma semana.

A Polícia Civil também já anunciou que pretende fazer greve no Estado, piorando ainda mais a situação. Mais de 75 pessoas foram mortas desde sábado, mais de 170 carros foram roubados e o comércio já acumula prejuízos de R$ 4,5 milhões.

A população está com medo de sair às ruas. Supermercados, escolas, lojas, tudo está fechado.

Esse é o saldo de uma greve ilegal que dura desde sábado. Que o Espírito Santo cuide das pessoas daquele Estado, que está parecendo uma filial do inferno. Se o governo não retomar o controle, logo casas estarão sendo invadidas, mulheres serão estupradas na rua e o que será das crianças…

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta