Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Barcelona é punido pela FIFA e fica proibido de contratar jogadores por um ano

0

O Barcelona é sancionado em mais de R$ 1 milhão pela Fifa pela contratação ilegal de jogadores estrangeiros menores de idade para atuar pelo clube, numa decisão que promete ter um impacto profundo no comportamento de grandes clubes europeus que, nos últimos anos, tem multiplicado esforços para trazer do exterior jovens atletas, por preços baixos.
O clube de Neymar ainda fica proibido de fazer qualquer tipo de contratação por um ano (duas janelas de tranferências), como punição pelo comportamento.

A Fifa não aponta quais foram os menores contratados e que violaram as regras. Mas alerta que as transferências ocorreram desde 2009 e parte das multas também foi aplicada sobre a Federação Espanhola de Futebol justamente por ter autorizado o registro desses jovens jogadores.

O Barcelona insiste em declarar seu orgulho diante da escolinha que criou e que fez surgir craques como Lionel Messi, Iniesta e Xavi. Mas, agora, é o próprio princípio que é questionado.

A multa imposta pela Fifa contra o Barcelona é de 450 mil francos suíços, enquanto a Federação foi sancionada em 500 mil francos. No total, dez menores entre 2009 e 2013 foram contratados dez estrangeiros menores de idade e que não estariam autorizados a jogar.

O caso de Messi é apontado por muitos como um dos exemplos dessa importação ilegal de jogadores e que, graças a brechas na lei, conseguiu ser justificada. Pela Fifa, um jogador menor somente pode ser trazido do exterior se ficar provado que ele se mudou com sua família para aquela cidade. O Barcelona, para levar Messi, transferiu da Argentina para a capital da Catalunha toda a família.

O Ministério dos Esportes, no Brasil, tem feito diversos alertas e o ministro Aldo Rebelo chegou a acusar os grandes clubes europeus de “imperialismo” e de “tráfico de seres humanos”.

Dados da Fifa apontam que, nos últimos anos, o Brasil foi o maior fornecedores de atletas menores de idade para o futebol europeu.

Comentários
Carregando