Beija-Flor é a campeã do carnaval 2018; Paraíso do Tuiuti é vice

A Beija-Flor de Nilópolis é a grande campeã do carnaval 2018 do Rio de Janeiro.

A Beija-Flor fez um paralelo entre o romance “Frankenstein” e as mazelas sociais brasileiras. Corrupção, desigualdade, violência e intolerâncias de gênero, racial, religiosa e até esportiva formaram o cenário de “Brasil monstruoso”.

Comandado por Neguinho da Beija-Flor, o samba-enredo “Monstro é aquele que não sabe amar (Os filhos abandonados da pátria que os pariu)” foi cantado em coro pelo público da Sapucaí, que ao final do desfile ocupou a avenida, seguindo a escola.

As cantoras Pabllo Vittar e Jojo Todynho foram destaque do carro “O abandono”, representando a luta contra a intolerância de gênero e a intolerância racial, respectivamente.

A Beija-Flor tem agora 14 campeonatos no Grupo Especial do Rio – só fica atrás da Portela e da Mangueira no total de vitórias.

A Paraíso do Tuiti ficou em segundo lugar. A escola fez duras críticas ao atual momento político brasileiro, levando para a avenida uma representação de um presidente-vampiro, críticas as manifestações patrocinadas pela Fiesp e a reforma trabalhista.

News Reporter
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta