Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Brasileira morre em incêndio na Suíça e mãe denuncia negligência; vídeo

0

Amannda Rodrigues foi a única vítima de incêndio que destruiu três prédios em Payerne, na Suíça. Sua mãe acusa as autoridades locais de negligência

Amannda Rodrigues, uma paranaense de 22 anos que morava na Suíça, morreu em um incêndio que destruiu três prédios em Payerne, uma pequena cidade de pouco mais de 8.000 mil habitantes, próxima à fronteira com a França.

O incêndio, de causas ainda não identificadas, consumiu rapidamente os edifícios, segundo o jornal local 24 heures. Arben Krasniqi, que estava em um dos edifícios e conseguiu escapar sem ferimentos junto com a esposa e seu bebê de 3 semanas, disse que “estava descansando quando ouvimos os gritos. Em menos de 2 minutos, estava fora e tudo queimado “, declarou ao jornal.

As circunstâncias da morte de Amannda levantaram dúvidas. O incêndio começou pouco depois das 15h30 (hora local) do domingo, dia 23, e quinze pessoas que estavam nos edifícios, um complexo residencial com uma loja de bicicletas no térreo, foram retiradas pelos bombeiros, que teriam chegado rapidamente ao local. Única vítima do incidente, Amannda só foi encontrada, sem vida, horas depois, às 19h15, quando o incêndio já havia sido controlado, mas as autoridades ainda trabalhavam para garantir a segurança.

A brasileira tinha muitos conhecidos entre os jovens da região e sua morte causou comoção. Marciléia Rodrigues, mãe de Amannda, que também mora em Payerne, publicou em sua página no Facebook um relato desesperado sobre a morte da filha e questiona a ação dos bombeiros que, se segundo ela, teriam sido negligentes.

As autoridades locais declararam que as investigações sobre o incêndio estão em andamento e que estão dando suporte às famílias que perderam tudo no incidente.

Fonte: veja.com

Comentários
Carregando