fbpx
Brasileiro é preso no Paraguai por chefiar quadrilha

Calonga Lechuga estava foragido do Brasil desde 2017

Adriano Augustin Calonga Lechuga foi preso nesta terça-feira (30) em Assunção, no Paraguai, sob acusação de chefiar uma quadrilha que levava armas e cocaína daquele país para o Brasil. O homem detido pelos agentes antidrogas era foragido do território brasileiro.

Segundo informações da Veja, ele foi encontrado em um apartamento de luxo da capital paraguaia. A Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) informou que o brasileiro vivia sozinho no imóvel. Lechuga teria fugido para o país na metade de 2017, a fim de continuar com as atividades de narcotráfico.

A fuga do Brasil teria ocorrido depois da operação “Malote”, realizada pela Polícia Federal. Na ação, foram confiscados confiscados mais de 400 quilos de cocaína e outras cinco toneladas de maconha. Ao chegar no Paraguai, Lechuga passou a liderar um grupo de traficantes que transferia até 400 quilos de cocaína e toneladas de maconha para São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Ele deve ser extradito do Paraguai para o Brasil nos próximos dias, de acordo com as autoridades paraguaias.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Deixe uma resposta