Brasileiros preferem tablets e celulares a computadores para internet

Pesquisa publicada nesta quarta-feira referente ao ano de 2013 revela que os dispositivos móveis dominam cada vez mais os acessos dos brasileiros à rede

O uso da internet por meio de microcomputador recuou pela primeira vez no Brasil, segundo dados apurados pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio, publicada nesta quarta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Até 2011, o Instituto havia apurado crescimento contínuo no uso de internet em computadores pessoais, chegando ao patamar de 46,5% da população. Em 2013, esse porcentual recuou para 45,3%. Considerando os brasileiros que acessam a internet apenas por meio de dispositivo móvel, houve um aumento de 7,2 milhões no número de pessoas – o equivalente a 4,1% dos brasileiros com 10 anos ou mais de idade. A pesquisa revela que 85,6 milhões de brasileiros com mais de 10 anos acessavam a internet em 2013.

[su_frame align=”right”] [/su_frame]O IBGE mostra ainda que, em 2013, as regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste permaneciam com os maiores porcentuais de utilização da internet, com 57%, 53,5% e 54,3%, respectivamente, apesar de o crescimento nas regiões Norte e Nordeste ter sido maior entre 2011 e 2013.

Os dados da Pnad relatam que, apesar do avanço da internet móvel, a utilização do computador como único equipamento para acesso à internet prevalece. As exceções foram Sergipe (28,9%), Pará (41,2%), Roraima (32,0%), Amapá (43,0%) e Amazonas (39,6%), onde o acesso feito exclusivamente pelo telefone móvel celular ou tablet superou o do microcomputador.

 

Na segmentação por idade, a faixa dos adolescentes dos 15 aos 17 anos é aquela em que o uso da internet possui maior concentração de adeptos, de 75,7%. Na sequência, está a faixa dos jovens entre 18 e 19 anos: 73,8% deles são internautas. O menor percentual é registrado entre as pessoas com mais de 60 anos, em que 12,6% das pessoas se conectam à internet.

Os domicílios com computador que possui acesso à internet somaram 31,2 milhões e chegaram a 40% do total em 2013, segundo a Pnad. Em 2011, apenas 37% das casas estavam equipadas com PCs que podiam acessar a web.

O levantamento indicou aumento de residências com apenas celular como meio telefônico em 2013. Foram contabilizadas cerca de 130,2 milhões de pessoas de 10 anos ou mais, ou 75,2% da população no Brasil, com celular.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta