Britânica quer processar McDonald’s devido a chá mal tampado

Uma britânica do condado de Hertfordshire, na Inglaterra, pretende processar a rede de fast-foods McDonald’s após sofrer queimaduras com um chá quente que não havia sido fechado corretamente pelos funcionários da lanchonete.
Segundo a publicação, Joanna Audoire, 44 anos, estava sentada no banco do carona, quando foi a um drive-thru com um amigo. Eles pediram dois lanches de café da manhã, com um refrigerante e um chá quente.
Sentada no carro, Joanna foi queimada quando seu copo de chá se abriu. Ela disse que, quando tirou as calças para ver o estrago causado pela queimadura, parte de sua pele se descolou e a dor aumentou ainda mais.
“Eles precisam assumir a responsabilidade de servir chá quente com uma tampa tão frágil”, afirmou Joanna. A britânica afirmou que foi afastada do trabalho porque não conseguia se locomover direito pela queimadura e quer processar o McDonald’s pelos danos causados pelo acidente.

Fonte: Terra

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta