Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

“Bumbum Granada” atinge 105 milhões de views no Youtube

0

“Taca taca”, dos MCs Zaac & Jerry, vai desbancar “Baile de Favela”: “Surpresa”

“É tudo o que eu sempre quis para mim ficar (sic) contente”. Esse verso de “Bumbum Granada” pode até passar despercebido, principalmente porque não demora para ser seguido do já conhecido “Taca taca taca taca taca”, mas resume bem tudo o que os MCs Zaac e Jerry estão vivendo.

O primeiro hit da dupla foi lançado no YouTube há dois meses e acabou de atingir 100 milhões de views – é o segundo vídeo mais visto do Canal KondZilla, atrás (não por muito tempo) somente de “Baile de Favela”, do MC João, com quase 125 milhões de visualizações até o momento.

O sucesso repentino assustou Zaac e Jerry, ou Isaac Daniel Junior e Rodrigo Silva dos Santos, como constam em seus RGs. “É algo bem surpreendente e gratificante, ainda mais por ser tudo em tão pouco tempo. Muitos shows, em média 18 por semana, e muitas viagens”, diz Zaac. “Está sendo uma supresa”, completa Jerry – o dono da voz grave que surpreende a todos.

Durante a entrevista, já deu para perceber que a voz dele é real mesmo. “É a primeira coisa que me perguntam”, fala, aos risos. “Na realidade, é um meio termo. Minha voz é naturalmente grave, mas a gente também faz aula de canto, então, acabo usando técnicas vocais para deixar ela daquele jeito [na música]”, explica.

Outra pergunta que eles precisam sempre responder é: afinal, como surgiu “Bumbum Granada”? “Foi num momento de descontração, reparamos nos bailes o que acontecia, o jeito que as meninas dançavam e a música veio praticamente inteira para gente, só demos uns retoques e fomos arrumando”, lembra Zaac.

Jerry também conta que a canção foi lançada antes do clipe. “Ela já tinha alcançado 1 milhão de downloads e só depois que fomos realizar o vídeo com o KondZilla. Era um sonho gravar com ele e foi uma felicidade enorme nosso primeiro clipe ser essa explosão”, comemora.

“Vamos nos juntar”

A sintonia da dupla é evidente. Não só por um completar a frase do outro em quase todas as respostas, mas também em cima do palco os meninos mostram que estão mesmo com os objetivos alinhados. Em junho, durante apresentação na festa de uma faculdade em São Paulo, “Bumbum Granada” abriu e fechou o show que durou pouco mais de 20 minutos. A todo momento, Jerry estava de olho em Zaac e vice-versa, para ver se estavam acertando na coreografia.

Entre tantos nomes de MCs sozinhos no funk, uma dupla chama a atenção e a ideia de se juntarem não partiu dos empresários, mas deles mesmo. “Na verdade, a gente nem pensou, aconteceu no dia a dia mesmo. Já tínhamos amizade desde 2013, as ideias eram as mesmas, então pensamos ‘Vamos nos juntar'”, conta Jerry. “No começo, não apoiaram muito não”, ressalta.

“O público apoiava, mas os agentes não. Cada um já tinha sua carreira solo, com públicos diferentes. Falavam ‘Vocês são bons separados'”, diz Zaac. “Graças a Deus deu tudo certo”, vibra Jerry.

O começo foi nos bailes de favela na região do ABC Paulista e por lá eles já provaram um pouco do que estava por vir. “Nossa música ‘Nos Fluxos’ estourou e o pessoal já cantava nos bailes”, lembra Zaac.

Agora, o lançamento deles é “Paranauê” e, se não promete ser fenômeno como o “Taca Taca”, já coleciona bons números em um mês de publicação: pouco mais de 1 milhão de visualizações no canal oficial dos cantores no YouTube. Mas eles prometem mais novidades. “Já estão aparecendo algumas parcerias, mas vamos deixar para divulgar lá na frente, é surpresa”, fala Zaac. “Mas é do tipo ‘caramba, não acredito que esse cara que eu sempre curti me chamou para fazer um trabalho'”, revela Jerry.

Se você ainda não ouviu “Bumbum Granada”, pode conferir o clipe abaixo:

Comentários
Carregando