Caixa aumenta juros para financiamento da casa própria

É a primeira vez no ano que o banco sobe os juros para crédito imobiliário. Taxa para não clientes passa de 9,9% para 11,22% ao ano

A Caixa Econômica Federal aumentou os juros para financiar a casa própria com recursos da poupança. A taxa balcão – para clientes que não são da Caixa – passa de 9,9% para 11,22% ao ano, para compra de imóveis pelo Sistema Financeiro Habitacional (SFH).

Já para o Sistema Financeiro Imobiliário (SFI), que costuma financiar imóveis acima de 750 mil reais, a taxa para não clientes subiu de 11,5% para 12,5% ao ano. As novas taxas entraram em vigor na quinta-feira, véspera do feriado de Páscoa.

As novas taxas valem para financiamento de imóveis residenciais, comerciais e mistos. As taxas dos financiamentos com recursos do Programa Minha Casa Minha Vida e do FGTS não sofreram alteração.

É a primeira vez no ano que o banco sobe os juros para crédito imobiliário. O último reajuste ocorreu em outubro do ano passado, quando, para não clientes a taxa passou de 9,4% para 9,9% pelo SFH. Já para o SFI a taxa havia subido de 11% para 11,5%.

Nos últimos reajustes, a Caixa atribuiu a alta ao aumento das taxas básicas de juros (Selic), que está em 14,25% desde setembro de 2015.

O reajuste deve ser seguido pelos demais bancos, já que a Caixa é o principal financiador de imóveis, servindo de piso para o resto do mercado.

A decisão acontece duas semanas após a Caixa ter decidido aumentar de 50% para 70% o limite de financiamento de imóveis usados e a reabertura do financiamento do segundo imóvel como medidas para reaquecer o setor em meio à crise econômica.

Veja.com

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta