fbpx
Câmara de SP deve economizar milhões com corte de ‘supersalários’

Esse valor voltará aos cofres paulistanos.

A Câmara Municipal de São Paulo começou nesta quarta-feira a cortar os salários acima do teto de cerca de 300 funcionários. Na Casa, há dois tetos: um de R$ 24.165,87 (para quase todos os servidores) e outro de R$ 30.417,10 (procuradores).

Com a medida, o legislativo pretende devolver aos cofres da prefeitura cerca de R$ 20 milhões. Com outras medidas, cortando daqui e dali, a Câmara pretende economizar R$ 100 milhões em 2017. No ano passado, a Casa devolveu aos cofres paulistanos R$ 60 milhões.

Fonte: radar on line

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta