Regulamentaram o “dedo-duro” no “país do jeitinho”, e por lei – Por Aury Lopes Jr. e Alexandre Morais da Rosa

Regulamentaram o “dedo-duro” no “país do jeitinho”, e por lei – Por Aury Lopes Jr. e Alexandre Morais da Rosa

On : --

Devemos nos acostumar a pensar o whistleblower no país do jeitinho1. Isso porque a Lei 13.608/18, de “carona”, regulamentou a figura do dito “reportante do bem”, sugerido pelo artigo 33 da Convenção das Nações Unidas para o combate à corrupção. Constou expressamente:…