Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

CCJ adia mais uma vez votação do recurso de Eduardo Cunha

0

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara adiou mais uma vez nesta quarta-feira (13) a votação do parecer sobre o recurso do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) contra a aprovação do relatório final do Conselho de Ética a favor da sua cassação. Uma nova sessão foi convocada para as 9h desta quinta-feira (14).

A sessão foi encerrada sob protestos de parlamentares adversários de Cunha. Os deputados discutirem o parecer do deputado Ronaldo Fonseca (PROS-DF), que recomenda a realização de uma nova votação no Conselho de Ética para analisar o processo de perda de mandato (veja vídeo acima).

A decisão de adiar a análise do relatório na CCJ foi tomada poucos minutos após o presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), voltar atrás e marcar a sessão destinada a eleger o novo presidente da Casa para as 17h30.

Inicialmente, a votação estava prevista para 16h. Por volta de 15h55, foi lido em plenário comunicado do deputado do PP informando que ele havia remarcado a sessão para 19h. Ele, porém, recuou e estabeleceu o novo horário após pedido de deputados.

Protelação

Só duas horas e meia após o início da sessão o presidente da comissão, Osmar Serraglio (PMDB-PR), começou a chamar os oradores inscritos para debate do relatório. Isso porque os aliados de Cunha continuaram os esforços para retardar o trabalho da comissão e, com isso, prolongar o andamento do processo de cassação do ex-presidente da Casa.

O deputado afastado assistiu às falas, acompanhado de seu advogado, Marcelo Nobre, da mesa da comissão.

Comentários
Carregando