Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Cego é preso suspeito de matar mulher grávida a facadas em Feira de Santana, na Bahia

0

O deficiente visual Teódolo dos Santos, de 33 anos, foi preso suspeito de matar a mulher dele com uma facada no pescoço, durante uma briga, na manhã desta quinta-feira (20). O crime ocorreu dentro da residência do casal, na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. De acordo com informações da Polícia Civil, a vítima estava grávida de seis meses do suspeito e o bebê também morreu.

Conforme o delegado Gustavo Coutinho, titular da Delegacia de Homicídios de Feira de Santana, após matar a mulher, o suspeito, identificado como Teodulo Ferreira dos Santos, tentou fugir da cidade com o outro filho da vítima. A criança tem 1 ano e é fruto de outro relacionamento.

O delegado informou que o homem tentou embarcar em um ônibus para a cidade de Camaçari, na Rodoviária de Feira de Santana, mas foi impedido por pessoas que desconfiaram dele. A Polícia Militar foi acionada, esteve na casa onde o crime ocorreu e encontrou a mulher morta.

Após o flagrante, o cego foi levado para a delegacia, onde foi ouvido e confessou o crime. Depois do depoimento, o homem foi encaminhado para a carceragem da unidade. Segundo o delegado Gustavo Coutinho, o suspeito será transferido para o Presídio de Feira de Santana.

Depoimento

Teódolo dos Santos, disse à Polícia Civil que agiu em defesa depois que a vítima tratava ele como “escravo” e teria tentado esfaqueá-lo. No entanto, a polícia acredita que ele esfaqueou a mulher depois de desconfiar de uma traição.

“Ele [Teódolo] falou que a mulher explorava ele, com afazeres domésticos, mas era briga normal de todo casal. Ele alega que sentiu essa faca na mão da mulher. Mas o corpo da mulher estava do lado da cama de casal. A polícia acredita que ele matou a mulher dormindo. Ele tentou degolar a mulher”, afirma o delegado responsável pelo caso, Gustavo Coutinho.

O delegado acredita que Teódolo matou a mulher após desconfiar de traição, porque o filho que ela esperava poderia ser de outro homem, já que o primeiro filho dela também era fruto de outra relação.

“Ela estava grávida e ele pode ter achado que estava grávida de outra pessoa. Ela tem um filho de um ano e meio e estava na barriga quando conheceu ele [Teódolo]. Esse filho ela disse para ele que era de outro homem. Quando ela engravidou [novamente], ele desconfiava de traição”, explica.

O homem continua preso nesta sexta-feira (21) e deve passar por uma audiência de custódia, que deve determinar se ele continuará detido. Segundo o delegado, Teódolo poderá responder por feminicídio, aborto e sequestro da criança.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), para ser periciado. Conforme o delegado, o filho da mulher foi encaminhado para o Conselho Tutelar da cidade.

Mulher foi encontrada morta ao lado da cama, após ser esfaqueada no pescoço (Foto: Reprodução/ TV Bahia)
 Fonte:g1/ba
Comentários
Carregando