Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Cesar Maia e mais 34 pessoas têm a candidatura contestada no Rio

0

A PRE-RJ (Procuradoria Regional Eleitoral do Rio de Janeiro) informou nesta segunda-feira (14) ter impugnado 35 registros de candidatura com base na Lei da Ficha Limpa, entre as quais a do vereador Cesar Maia (DEM), candidato ao Senado na chapa de Luiz Fernando Pezão (PMDB), que concorre à reeleição ao governo do Estado.

A impugnação consiste na contestação do MPE (Ministério Público Eleitoral) de um registro de candidatura, cabendo ao TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral do Rio) aceitar ou não o entendimento da procuradoria. Ela não proíbe os candidatos de fazer campanha, já que ainda precisa ser julgada nos tribunais eleitorais (TRE e Tribunal Superior Eleitoral). Dessa forma, os nomes dos candidatos serão mantidos nas urnas.

O TRE-RJ informou que as 35 impugnações foram registradas no sistema eleitoral. Os candidatos têm um prazo de sete dias para apresentar defesa, a partir da notificação. Dos que já foram notificados, ninguém apresentou defesa até as 17h desta segunda-feira, informou o TRE-RJ.

A contestação da candidatura de Cesar Maia –que atualmente exerce o cargo de vereador– é fundamentada em uma condenação por improbidade administrativa, datada de maio deste ano, referente à construção da Igreja de São Jorge, em Santa Cruz, na zona oeste da capital fluminense.

A Justiça entendeu que a obra foi financiada indevidamente com dinheiro público. O candidato afirmou que a construção de uma “capela de São Jorge” “nada tem a ver com Ficha Limpa”, e que se defenderá da impugnação no TRE-RJ. Na versão de Maia, a obra foi questionada em função do “caráter laico do Estado”

Fonte: Uol

Comentários
Carregando