Cid Gomes pede demissão de Ministério da Educação

Após protagonizar uma discussão com deputados na Câmara, Cid Gomes (PROS) acaba de de pedir demissão do Ministério Educação. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da Casa Civil.

Há pouco, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, comunicou ao plenário a decisão do ministro de deixar o cargo. “Comunico à Casa o comunicado que recebi do chefe da Casa Civil comunicando a demissão do ministro da Educação, Cid Gomes”, anunciou em meio a aplausos dos deputados.

Nesta tarde, Cid repetiu para o plenário da Câmara que há achacadores entre os deputados federais. Ele foi convocado pela Comissão Geral da Câmara para esclarecer a declaração de que há entre “300 ou 400 achacadores” que se aproveitam da fragilidade do governo.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Deixe uma resposta