Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Coluna – Auditores do TATE doaram dinheiro para campanha de Confúcio em 2010

0

Empresa de auditor preso também fez doação de mais de R$ 300 mil na mesma campanha

Estreitas relações

Nas eleições de 2010, três membros da Primeira Instância do Tribunal Administrativo Tributário do Estado (TATE) fizeram doações para a campanha de Confúcio Moura. Evidente que isso não quer dizer nada, mas no mínimo deixa a gente com a pulga atrás da orelha. Além de Anivaldo de Deus Pinto (preso na Operação Mamon), que doou R$ 20 mil, também fizeram doações Carlos Alberto da Silva e Carlos Magno de Brito. O primeiro deu R$ 6 mil e o segundo R$ 15 mil. As doações foram depósitos em espécie.

Tem mais

Anivaldo era proprietário de um atacadista de grande porte em Rondônia. A empresa doou, sozinha em 2010, mais de R$ 360 mil para a campanha do então candidato Confúcio Moura. Na gestão Cassol, a tal empresa tinha praticamente quebrado, mas no governo Confúcio, ela voltou com força total. Mas esquemas envolvendo fiscais e governadores não são exclusividade de Rondônia. Beto Richa, governador do Paraná está enrolado em um escândalo parecido com o nosso. E por lá foi ainda mais dinheiro.

Eu até quero

Mudar de assunto e parar de falar nesse (des)governo mas fica difícil. A cada dia eles aprontam uma diferente. A última veio do setor de (in0segurança pública. Vamos lá, em 2013, mais precisamente em fevereiro, o governo da enganação entregou a população de Porto Velho a “nova central de flagrantes”, no caso a velha Central de Polícia, situada na Avenida Jorge Teixeira que foi pintada ao custo de R$ 950 mil. Na propaganda o governo dizia, “para concluir os trabalhos, foi necessário refazer o projeto e readequar a planilha orçamentária”.

Pois é

Na última segunda-feira, um curto-circuito deu início a um pequeno incêndio. Os bombeiros foram chamados, desligaram a chave-geral e recomendaram a troca de toda a fiação. Porém, a SESDEC religou a energia e trocou apenas um transformador. A central está operando normalmente.

Porém

O painel de energia que entrou em curto (prejudicando toda  fiação) fica embaixo da sala de armas e munições e o prédio da central é ao lado do depósito de uma loja de tintas (tinta é altamente inflamável ). Então, presos e policiais correm o risco de testemunharem uma tragédia anunciada porque o governo, para variar, enganou todo mundo com a tal “reforma”.

Fiasco

Muita gente tem questionado por onde anda o ex-secretário de Defesa Marcelo Bessa, que era chamado de “xerife”, pelos mais empolgados. Bessa é delegado da Polícia Federal, e tão logo descobriu que foi enganado pelo governo, deu no pé e atualmente vive em Criciúma (SC). Sua gestão pode ser considerada um dos maiores fiascos desse governo. Bessa, que estava muito bem em João Pessoa (PB), caiu no canto da sereia e veio para Rondônia assumir a SESDEC. Criou mais problemas que soluções.

Os índices

Da segurança pública de Rondônia estão longe de ser confiáveis. A SESDEC não tem estatística, os dados saem na base do “chutômetro”, é mais ou menos como a “mancha criminal” que é debatida no primeiro filme “Tropa de Elite”. As delegacias estão fechadas e o governo sonha com as tais UNISPs. Enquanto isso a população padece na mão de marginais. Os presídios estão caindo aos pedaços e não fosse pelo esfoço dos agentes penitenciários, a coisa estaria muito pior, acredite.

Reforma administrativa

Deve chegar na próxima semana à Assembleia Legislativa a proposta de “reforma administrativa” que Confúcio pretende fazer. Na verdade, a idéia principal é reduzir em cerca de 20% o valor dos CDS e a extinção de alguns setores, como a gerência de ciência e tecnologia. O que essa reforma vai representar para a população? Absolutamente nada. Confúcio precisaria extinguir coisas inúteis, como a tal secretaria da Paz, que virou superintendência e até hoje não mostrou a que veio, fora o fato de ser um cabide de emprego, daqueles bem descarados.

E o alvará?

Pois é, o tal Teatro Estadual continua sem…

Se armando

O atual secretário de Estado da Saúde, Williamens Pimentel, aquele que não consegue inaugurar o prédio pronto do Centro de Diagnósticos por Imagem, anda pensando seriamente em disputar a prefeitura de Porto Velho em 2016. Acho que antes dele tentar qualquer cargo eletivo, deveria tratar de resolver os problemas para os quais é pago, como o funcionamento das unidades de saúde e a mínima melhoria da rede, que só é “referência” na propaganda oficial. Quem vai conferir de perto, sabe que a coisa não funciona mesmo.

Mudo

Padre Ton, ex-deputado federal do PT e falante por natureza, parece que perdeu a língua. Um gato deve ter comido. Ele não esboça um murmúrio sequer sobre o escandaloso esquema montado na prefeitura de Cacoal, que envolve diretamente a administração de outro padre, o Franco Vialetto. Ton tem obrigação de falar sobre o assunto, uma vez que ele é presidente estadual do PT e Vialetto seu amigo, tanto de batina quanto de legenda.

A situação

É constrangedora e enterra de vez o PT de Rondônia. Por aqui, o partido teve uma oportunidade ímpar de se fortalecer e até chegar ao governo. Felizmente isso não aconteceu. Os grandes articuladores da legenda, Odair Cordeiro e Eduardo Valverde faleceram deixando órfãos todos do partido. Desde então, a coisa descambou para a baixaria, com direito a prisões, trocas de ofensas e um racha irremediável. Em Jaru, outra prefeitura comandada pelo PT, a coisa também não anda nada boa. A prefeita Sônia Cordeiro enfrentou uma série de obstáculos políticos junto à Câmara de Vereadores e a população não anda nada satisfeita com a gestão da bela.

Olha essa

A Polícia Federal apreendeu na tarde de ontem (18/5) quatro pés de maconha, cada um deles com 1,5 metros de altura. As plantas foram encontradas pela PF após uma denúncia anônima em uma casa localizada em um condomínio de classe média alta na região do Jardim Botânico no DF. A apreensão foi divulgada no perfil da PF, no Facebook e nunca uma ação foi tão veementemente criticada pelos internautas. Confira os comentários da divulgação (https://www.facebook.com/departamentodepoliciafederal/photos/a.465261690168176.116246.223630627664618/1053497424677930/?type=1&__mref=message_bubble)

Comunicado

Caros coleguinhas de imprensa, a partir de agora, quem faz reportagens policiais vai ter que andar com termos de autorização, além dos microfones e câmeras. É o fim do chamado “mundo cão”. Uma série de medidas foram adotadas em conjunto entre SESDEC, MP, OAB e jornalistas, para tentar brecar alguns exageros. A meu ver, uma medida que seria totalmente desnecessária se a central de flagrantes não fosse uma bagunça generalizada. O prédio já está um lixo e com o grande fluxo, fica difícil controlar acessos. O consolo é que a comissão de Direitos Humanos da OAB estava presente à reunião e intermediou os termos. Vamos ver como isso se dará no dia a dia.

Em detalhes

A grosso modo a medida proíbe entrevistas de qualquer bandido que esteja detido, salvo se ele autorizar, por escrito. Fotos poderão ser feitas Acho que seria mais producente garantir a segurança do preso dentro do sistema penal, que é de responsabilidade do Estado.

Para contatos

Fale conosco pelos telefones (69) 3225-9979 ou 9363-1909. Também estamos no www.painelpolitico.com e www.facebook.com/painel.politico e no Twitter (@painelpolitico). Caso prefira, envie correspondência para Rua da Platina, 4326, Conjunto Marechal Rondon. Whatsapp 9248-8911.

É verdade que Pedialyte cura ressaca?

Pedialyte, bebida originalmente destinada ao público infantil para combater a desidratação em casos de diarreia e vômito, ganhou um novo uso: curar ressaca. Até alguns famosos apostam no produto para aliviar os sintomas do abuso de álcool, como os cantores Miley Cyrus e Pharrell Williams. De acordo com dados da empresa de pesquisa Nielsen, um terço das vendas é para uso de adultos, um aumento de quase 60% desde 2012. Sendo assim, a marca decidiu “abraçar” o novo mercado com campanhas publicitárias para esse público. O líquido, que também é vendido no Brasil, promete repor zinco e eletrólitos (sódio, potássio, cloro e outros minerais). Mas, afinal, funciona mesmo? Especialistas afirmam que pode realmente ajudar a aliviar a ressaca justamente ao combater a desidratação. “A maior parte dos sintomas de ressaca é causada pela espoliação de eletrólitos e sais minerais pela urina e é isso que o Pedialyte repõe”, disse o endocrinologista Pedro Assed, pesquisador do Grupo de Obesidade e Transtornos Alimentares da PUC-Rio-IEDE. Mas existem outras opções naturais para combater os incômodos da ressaca, como água de côco, chás verde e de ibisco, açafrão e brócolis.

Comentários
Carregando