Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Coluna – Cerca de R$ 3 bi para serem gastos em obras em RO estão parados na CEF

0

Dinheiro para obras de saneamento e construção de casas populares não podem ser liberados por problemas em projetos

Falha nossa

Sobre a fusão DEM e PTB, por uma total distração esquecemos de citar que o deputado estadual Léo Moraes é do PTB, portanto, no caso de uma fusão entre os partidos, a nova legenda teria dois deputados, Léo e Adelino Follador (DEM).

É minha

A ideia de que seres humanos pertencem a outros é uma das principais causas de violência contra a mulher, principalmente no Brasil, onde parece não haver limites para a brutalidade, já que cada caso é mais chocante que outro. Nesta sexta-feira o país amanheceu chocado com o espancamento e assassinato de uma dançarina no Rio de Janeiro. Amanda Bueno teve a cabeça batida várias vezes contra o chão, em seguida seu marido deu vários tiros de pistola em seu rosto. Ele então entrou em casa, pegou uma espingarda calibre 12 e efetuou mais três disparos na cabeça de sua esposa.

O crime

Foi filmado por câmeras de segurança da casa do casal, que haviam sido instaladas pelo próprio assassino três dias antes. De acordo com informações repassadas pela polícia, Amanda cobrava de seu marido explicações sobre uma relação extra-conjugal dele. Casos como esse ocorrem praticamente todos os dias no país e a política de defesa das mulheres não passa de uma ilusão propagada pelo governo federal e repetida nos estados.

Só para regionalizar

Essa discussão, vamos falar sobre políticas para mulheres em Porto Velho e em Rondônia. Não existe. O mais básico, que seria uma delegacia especializada funcionando 24 horas é uma lenda. Ela abre de segunda a sexta, em horário comercial, e olhe lá. Mulheres vítimas de violência precisam de uma rede de apoio integrada, envolvendo união, estados e municípios. O que temos é uma total descordenação, projetos desenvolvidos isoladamente, que não resolvem absolutamente nada.

Voltando a cultura machista

Outro ponto que deveria ser trabalhado, com rigor, seria o combate a crimes contra a mulher. A lei Maria da Penha não assusta mais, é ineficaz. Tratar o crime como hediondo alegando feminicídio também não vai resolver, a punição é a mesma, no Brasil ninguém fica preso mais de 30 anos. Se a União adotasse uma postura mais dura com agressores, os estados criassem redes de proteção e apoio junto com municípios, milhares de Amandas poderiam estar vivas. O que temos é um país de faz de contas, que se choca a cada crime, mas não adota providências efetivas.

Outro exemplo

Em Rondônia temos a tal “secretaria da Paz”, um cabide de comissionados que não tem utilidade alguma. Já existe há pelo menos dois anos e nunca desenvolveu um projeto sequer “em nome da paz”. O dinheiro gasto nessa secretaria poderia tranquilamente tocar uma delegacia especializada no combate à violência contra as mulheres. Se a polícia consegue prender o agressor nas primeiras 24 horas, a probabilidade da mulher manter a ocorrência é bem maior que após esse período.

Sem condenação

A coisa é tão complicada, que para fechar esse assunto, podemos citar o caso da menina Raíssa Lopes, de apenas 15 anos que foi assassinada na frente de sua casa, enquanto esperava o ônibus para ir a escola, pelo ex-namorado, Alessandro Castelo Branco. Ela levou um tiro no pescoço e até hoje o ex-namorado aguarda julgamento. Mas ele está fazendo isso em casa, e não na cadeia.

Nesta sábado

Com a presença do vice-presidente do Conselho Federal da OAB, Claudio Pacheco Prates Lamachia, será reinaugurado o Clube do Advogado de Rondônia, um espaço de 10 mil metros quadrados, totalmente reformado e com novo paisagismo, o espaço conta com quatro quiosques com churrasqueira, freezer, jogos de mesa, novo mobiliário, iluminação, e playground. O salão de festas e seus anexos também passou por uma grande mudança e a fachada recebeu uma nova identidade visual. De acordo com o presidente da OAB de Rondônia, Andrey Cavalcante, “a diretoria da OAB/RO busca sempre possibilitar uma melhor estrutura para os advogados e advogadas. A obra de restauração do clube proporciona um local de encontro, descontração e entretenimento para as celebrações da classe”.

R$ 3 bilhões

É quanto se estima de valores que estão depositados na Caixa Econômica Federal de Porto Velho, disponíveis para obras diversas, que estão paradas por vários motivos, de denúncia de desvios a erros de projeto. Entre essas, estariam as obras de saneamento da capital, construção de casas populares e os famigerados viadutos.

Listagem

O presidente da Assembleia, Maurão de Carvalho, disse que já solicitou da Caixa a listagem desses recursos, e os motivos das paralisações. A ideia, segundo Maurão, é “limpar a pauta”. Mas por aqui o que não faltam são obras paradas. Acho que essa lista vai ser bem grande.

Enquanto isso

Jaqueline Cassol anuncia que pretende disputar a prefeitura de Porto Velho em 2016, “se assim for necessário”. A advogada foi a terceira colocada nas eleições de 2014 na disputa ao governo do Estado e já vinha sinalizando com essa possibilidade desde o início desse ano. Nesta sexta-feira, ela falou abertamente sobre o assunto em uma reunião com seu partido, o PR.

Apesar da rejeição

Que seu irmão tem na capital, o senador Ivo Cassol, Jaqueline não divide essa antipatia. Caso consiga emplacar esse projeto, e tenha sucesso à frente da administração da capital, a advogada estará pavimentando um caminho fácil para o governo. Mas, ainda estamos no início de 2015 e muita coisa vai acontecer até as eleições de 2016.

Para contatos

Fale conosco pelos telefones (69) 3225-9979 ou 9363-1909. Também estamos no www.painelpolitico.com e www.facebook.com/painel.politico e no Twitter (@painelpolitico). Caso prefira, envie correspondencia para Rua da Platina, 4326, Conjunto Marechal Rondon. Whatsapp 9248-8911.

Cinco benefícios de beber água em jejum

Clínica Mais Saúde (agende seu check-up 3214-847/9242-1079) – A maior parte do organismo humano é formada por água, 75% dos músculos é água, por exemplo. Portanto, é importante consumir uma boa quantidade de água diariamente para manter a saúde. Segundo o Instituto Europeu de Hidratação, a água é o solvente que permite muitas das reações químicas vitais do organismo, ajudando a manter as funções corporais. Cinco benefícios do consumo de água em jejum: Uma hidratação adequada é importante para o funcionamento correto do cérebro. Quando estamos hidratados adequadamente, as células do cérebro recebem sangue oxigenado e o cérebro permanece alerta. O consumo adequado de água é essencial para o bom funcionamento dos rins, ajudando-os a eliminar através da urina os resíduos e nutrientes desnecessários. A água melhora o trato digestivo, já que é necessária na dissolução dos nutrientes para que estes possam ser absorvidos pelo sangue e transportados para as células. A água também é uma grande aliada da pele, ajudando a manter a elasticidade e a tonicidade. A água também atua como um lubrificante para os músculos e articulações: ajuda a proteger as articulações e também o melhor funcionamento dos músculos.

 

Comentários
Carregando