Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Coluna – Jaqueline Cassol avança com pré-candidatura a governo

0

Ponta virada

Apesar de ter conversado com o senador Ivo Cassol na semana passada e de ter uma nova conversa agendada para esta semana, o deputado estadual Neodi Carlos, anunciado como vice, na chapa de Expedito Júnior para o governo do Estado, afirma que “está fechado com Júnior e não tem a menor possibilidade de fazer uma nova composição”. Para o parlamentar, essa questão está decidida e não tem conversa.

Mesmo assim

Como ouvir não dói, Neodi e Cassol devem se falar nos próximos dias. Em relação a esse encontro, Expedito disse estar tranquilo, “Neodi é um grande parceiro, que abraçou e integra nosso projeto. Mas amigo cada um escolhe o seu”, declarou Júnior.

Enquanto isso

Jaqueline Cassol, que colocou seu nome á disposição do PR para disputar o governo, está animada com a repercussão positiva de sua indicação. A advogada e empresária, que é irmã do senador Ivo Cassol, vem mantendo conversações com várias lideranças e garante que está na disputa, “criei uma fan page que rapidamente atingiu quase 7 mil seguidores. Estamos trabalhando para manter o grupo unido e vamos conseguir”, disse Jaqueline.

Problemas todos tem

Jaqueline Cassol também falou sobre as declarações recentes de seu irmão, César Cassol, prefeito de Rolim de Moura, a respeito de Ivo Cassol, “toda família passa por problema, quem nunca brigou com um irmão? Podemos discordar, discutir, brigar, mas temos o mesmo sangue, e isso fala mais alto”, acrescentou. Ela também encara da mesma forma a disputa dentro do grupo com o deputado estadual Maurão de Carvalho, “a pretensão de Maurão é legítima, assim como a minha. Já conversamos e somos duas pessoas flexíveis, o que for melhor para o grupo será aceito, tanto por mim, quanto por ele. Na verdade não existe disputa, estamos pleiteando o mesmo espaço, as opções estão sendo avaliadas e em breve teremos essa questão definida”, disse a advogada.

Repercussão

Entre os partidos que compõe a aliança com o PP e o PR, a reação a respeito do nome de Jaqueline vem sendo positiva. Um dos únicos a se posicionar contrário a candidatura da advogada foi o deputado estadual Lebrão (PTN). Mesmo assim, ele ponderou, “não me convenci sobre essa candidatura. Estou apoiando o Maurão, mas vamos ver como vai ser conduzido esse processo”, declarou o parlamentar. Nos próximos dias, Jaqueline estará no interior, onde pretende conversar com várias lideranças. Maurão também está no trecho. Ainda não tem nenhuma reunião definida para tratar da candidatura majoritária do grupo, mas, como o tempo está passando rápido, isso não deve demorar.

Condenado

Alexsandro Mendes Castelo Branco, responsável pelo assassinato da menina Raíssa Lopes em setembro de 2012, foi condenado a 16 anos de prisão pelo Tribunal do Júri, em Porto Velho na última terça-feira. Raíssa era sua ex-namorada e inconformado com o fim do relacionamento, ele a abordou em um ponto de ônibus e efetuou um disparo, que atingiu o pescoço da menina de apenas 15 anos de idade. A mãe da jovem ainda chegou a ver sua filha agonizando na calçada, já que ela morava do outro lado da rua. O rapaz foi preso dias depois, foi solto, ameaçou a família da vítima e mudou-se para Guajará-Mirim, onde arrumou outra namorada, foi acusado de bater na moça e fazer ameaças a avó de sua companheira. O advogado Breno Mendes fez parte da acusação.

5 anos

A coluna Painel Político completou 5 anos agora em maio e ao longo desse período foram inúmeras opiniões, denúncias, observações, discordâncias, concordâncias e muitas inimizades. Mas também fizemos grandes amigos, encontramos apoio em instituições, reflexo de um trabalho cheio de obstáculos, muitas vezes olhado com desconfiança, mas sempre pautado em um jornalismo sério e documentado. Tenho que registrar a imparcialidade com a qual o judiciário de Rondônia sempre se colocou por diversas vezes, quando fomos alvos de processos, ou tentativas. Exatamente devido a credibilidade de nosso trabalho, conseguimos com que nossas denúncias, se tornassem inquéritos, ações civis públicas, investigações, enfim, conseguimos economizar, para os cofres do Estado, uma verdadeira fortuna ao longo desses 5 anos, revelando esquemas e negociatas que às vezes pareciam obras de ficção, mas infelizmente eram verdadeiras.

Em debate

No Senado uma sugestão popular para permitir o porte de armas pelos cidadãos. A ideia foi apresentada no portal e-Cidadania e obteve mais de 20 mil adesões. O post divulgado pelo portal e-Cidadania, no Facebook, no dia 12 de maio já teve mais de 400 compartilhamentos. Caso você queira compartilhar o link é esse (https://www.facebook.com/ajax/sharer/?s=2&appid=2305272732&p%5B0%5D=341322359265758&p%5B1%5D=1073742082&profile_id=341322359265758&share_source_type=unknown). O perfil do E-Cidadania é (http://www.facebook.com/eCidadania). Claro que o assunto rende discussões acaloradas, mas encontra respaldo junto a uma parte significativa da população. Neste outro link (http://bit.ly/SUGPorteDeArmas) você acompanha o andamento da sugestão.

Eleições 2014

Para uma maior interatividade com os leitores, e em comemoração aos 5 anos de Painel Político, lançamos um microblog no Tumblr, que é bom ser colocado nos favoritos. O endereço é http://painelpolitico.tumblr.com e lá vai estar sempre atualizado com notícias sobre as eleições. Dá uma conferida.

Na disputa

E quem anunciou a pretensão de disputar o governo nesta quarta-feira foi o advogado Léo Fachin, pelo Partido Trabalhista Cristão (PTC). Advogado militante em Porto Velho, Fachin foi juiz de Direito e atualmente leciona na faculdade São Lucas. O nome de Leo Fachin foi anunciado nesta quarta-feira 21 pelo secretário-geral do partido, o advogado Sérgio Paraguassu, que definiu a pré-candidatura como uma “alternativa viável e que sugere uma mudança radical no atual quadro político do Estado”.

Habeas corpus

Natanael Silva, ex-presidente da Assembleia Legislativa e ex-conselheiro do Tribunal de Contas de Rondônia impetrou habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF). Ele foi condenado a 14 anos de prisão pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) pelos crimes de peculato, coação no curso do processo e supressão de documento público. A defesa pede o deferimento da medida liminar para suspender a execução da decisão que condenou Natanael. Ao final, solicita a concessão da ordem para que os delitos classificados pelo STJ como peculato-apropriação e peculato-desvio sejam considerados como se cometidos em continuidade delitiva, e não em concurso material, como entendeu aquela corte. A defesa também pede que, ao reconhecer a ilegalidade do acórdão condenatório quanto à dosimetria das penas aplicadas, seja aplicado o mínimo legal. Requer, ainda, o reconhecimento e a declaração de ilegalidade da condenação pelos crimes de coação no curso do processo e supressão de documento público, sob alegação de atipicidade das condutas. Então tá…nem vou comentar.

Fale conosco

Pelos telefones (69) 3225-9979 ou 9363-1909. Também estamos no Facebook.com/painel.político e no Twitter (@painelpolitico). Caso prefira, envie correspondência para Rua da Platina, 4326, Conjunto Marechal Rondon. Para fazer parte de nossos grupos no whatsapp envie um whats para 9248-8911 com a seguinte informação: nome+sobrenome+NOTÍCIAS (apenas para receber informações); Caso queira participar de debates e interagir com os demais membros envie nome+sobrenome+DEBATES; Não incluímos ninguém por indicação, a própria pessoa deve enviar o pedido. Notícias são enviadas até às 22 horas, a partir desse horário só se for algo de grande relevância. Também estamos com grupos no aplicativo Telegram. Para mais informações clique AQUI.

Combinação de azeite e salada é ‘segredo’ da dieta mediterrânea

Cientistas britânicos sugerem que a combinação de azeite de oliva e salada com folhas verdes ou vegetais explica por que a chamada dieta mediterrânea é tão saudável. A união desses dois grupos alimentares – um rico em gordura insaturada e o outro, em nitrato – formam ácidos graxos que ajudam a baixar a pressão arterial, segundo estudo publicado no periódico científico PNAS. A adição de nozes e abacate também ajudam a compor uma combinação saudável. Inspirada pela culinária tradicional de países como Grécia, Espanha e Itália, a dieta mediterrânea há tempos é associada à boa saúde, inclusive cardíaca. Essa dieta costuma incluir vegetais em abundância, frutas frescas, cereais integrais, azeite de oliva e nozes, além de frango e peixe – no lugar de carne vermelha ou gordura animal. Ainda que, individualmente, cada ingrediente dessa dieta tenha benefícios nutricionais bem conhecidos, ainda não estava claro para os cientistas o que tornava o conjunto da dieta mediterrânea tão saudável.

 

Comentários
Carregando