Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Coluna – Placar apertado garante Expedito e define cenário político

0

Tensão

O dia começou agitado para os correligionários de Expedito Júnior, que aguardavam há mais de 30 dias o julgamento do pedido de registro de candidatura, que havia sofrido pedidos de impugnação pelo Ministério Público Eleitoral, pelo Partido dos Trabalhadores e pelo PMDB. Na noite de segunda-feira, apesar da expectativa, Expedito revelou á coluna que “estava tranquilo” e iria “dormir bem”. Mas sabemos que não é bem assim. O julgamento foi apertado e por pouco os simpatizantes, que lotavam o pequeno espaço do Tribunal de Justiça onde a Corte Eleitoral vem se reunindo provisóriamente, não saem de lá frustrados.

O primeiro caso

A ser julgado no dia foi uma ação de propaganda eleitoral antecipada, movida contra um site de notícias que havia publicado matéria sobre uma reunião de Expedito Júnior no interior. O julgamento era um recurso, já que o site havia perdido em primeira instância. De acordo com os juízes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), a informação trazia elogios demasiados ao então pré-candidato Expedito Júnior, induzindo os leitores a achar que ele era a melhor opção para governar Rondônia. A sentença foi mantida. Na sequencia os juízes analisaram o pedido do registro de Moreira Mendes, candidato ao Senado. E ele teve o registro deferido.

O julgamento

De Moreira foi emblemático. Era dado como certo o indeferimento, tendo em vista o fato dele ter sofrido condenação por improbidade por um colegiado. Os advogados dele argumentaram que o processo estava em grau de recurso, portanto, não havia trânsito em julgado. O relator, juiz Dimis da Costa foi favorável e os demais seguiram seu voto. Moreira conseguiu seu registro por unanimidade. Na sequência entrou na pauta o processo de Expedito Júnior.

Demora

A procuradora eleitoral Gisele Bleggi fez a leitura de um longo relatório que durou 38 minutos. Ao final ela pediu o indeferimento do registro de candidatura de Expedito, alegando que o mesmo deveria estar apto no momento do pedido e não no dia da eleição. Em seguida s advogado do PMDB, Almeida Jújnior também falou, pedindo a impugnação e na sequencia Nelson Canedo, representando o PT fez o mesmo. Foi a vez dos advogados Diego Vasconcelos e Márcio Nogueira, que representaram Júnior e expuseram suas alegações a favor do candidato. E aí começou a longa agonia dos que torciam contra e a favor de Expedito Júnior.

Caso da foto

O relator do pedido do registro, juiz Dimis da Costa iniciou seu voto falando sobre uma foto que começou a circular na noite de segunda-feira, onde aparece ele, na companhia de Márcio Nogeuira (advogado de Expedito), Robson Oliveira e Ayres do Amaral, em um jantar de confraternização. A imagem circulou insinuando que o relatório de Dimis seria favorável a Júnior e criou um mal estar. Mas seu voto foi contrário. Ele arguiu que o candidato deveria estar apto no dia do pedido de registro, portanto estava inelegível. Na sequencia o juiz Delson Xavier fez a leitura de um longo voto, onde ele concluiu divergindo do relator. O terceiro a votar foi o juiz José Robles, que acompanhou o relator. O terceiro voto foi de Roosevelt Queiroz, que seguiu ao pé da letra o que diz a lei, ou seja, se o candidato está elegível no dia da eleição, não pode ter o registro negado e votou pelo deferimento. As atenções se voltaram ao juiz Adolfo Theodoro, que fez um curto discurso e votou pelo deferimento. Resultado, placar apertado de 3 a 2 e Expedito é candidato ao governo de Rondônia.

Enquanto isso

Os cassolistas não escondiam a insatisfação. Com o deferimento do registro de candidatura de Expedito Júnior o processo eleitoral começa de fato. As campanhas devem deslanchar a partir dessa semana e o cenário passa a ser definido. A demora no julgamento atrasou, e muito, a corrida sucessória e Confúcio Moura, que até então estava em uma situação confortável começa a ficar preocupado. Cassol aposta que o governador não chega ao segundo turno, que será disputado, segundo ele, entre sua irmã Jaqueline e Expedito Júnior. Mas os cassolistas andam meio ruins de matemática nos últimos tempos, então, de certo mesmo é que todos estão em pé de igualdade a partir de agora. Também é certo que teremos segundo turno, e nos próximos dias saberemos quem de fato vai chegar lá.

No QG da cascavel

A notícia de que Moreira Mendes vai disputar as eleições caiu como uma bomba na cabeça de Ivo Cassol e Acir Gurgacz. O primeiro lançou sua esposa, Ivone para disputar o senado e dava como certa uma eleição relativamente tranquila. O segundo já havia traçado estratégias para chegar lá sem fazer muito esforço. Não deu certo. Moreira entra na disputa com vontade, dinheiro e curriculo, o que causa dor de cabeça aos adversários. Nessa disputa o jogo também ficou equilibrado a partir de agora e a tendência é uma vitória apertada, seja lá quem for o eleito.

Outro

Que conseguiu o registro de candidatura foi o ex-prefeito de Porto Velho Roberto Eduardo Sobrinho, que havia sofrido pedido de impugnação pelo Ministério Público Eleitoral. Roberto pretende disputar uma vaga na Câmara Federal.

Inovando

Painel Político lançou um Tumblr para as eleições deste ano. O julgamento no TRE foi transmitido passo a passo pelo endereço http://painelpolitico.tumblr.com .

Em Vilhena

O prefeito José Rover (PP) vem sendo acusado de pedir votos para candidatos de coligações adversárias, o que caracteriza, em tese, infidelidade partidária. Não é novidade nenhuma que Rover não está apoiando as candidaturas de Jaqueline (governo) e Ivone Cassol (senado), mas daí a gravar um vídeo pedindo votos para um candidato a deputado federal, já é um pouco demais. Aliás, a infidelidade este ano está bombando e os políticos parece que esqueceram que os mandatos pertencem as legendas e não aos ocupantes dos cargos políticos. Vereadores do PROS também estão ignorando determinações do partido e vendendo apoio a candidatos de coligações opostas. A casa de muita gente vai cair logo, logo.

Debate

A TV Allamanda já começa a preparar o primeiro debate com os candidatos a governo. O mediador deve ser o vereador Marcelo Reis. Ainda não tem data definida.

Prestígio

Na última sexta-feira a LF Imports reabriu suas portas completamente reformada. O evento contou com a presença dos diretores nacionais da Mitsubishi, além de políticos, empresários e clientes da empresa. Com isso, o empresário Leocir Fortes dá início a uma nova fase em seu grupo.

Fale conosco

Pelos telefones (69) 3225-9979 ou 9363-1909. Também estamos no Facebook.com/painel.político e no Twitter (@painelpolitico). Caso prefira, envie correspondência para Rua da Platina, 4326, Conjunto Marechal Rondon. Para fazer parte de nossos grupos no whatsapp envie um whats para 9248-8911 com a seguinte informação: nome+sobrenome+NOTÍCIAS (apenas para receber informações); Caso queira participar de debates e interagir com os demais membros envie nome+sobrenome+DEBATES; Não incluímos ninguém por indicação, a própria pessoa deve enviar o pedido. Notícias são enviadas até às 22 horas, a partir desse horário só se for algo de grande relevância. Também estamos com grupos no aplicativo Telegram. Para mais informações acessehttp://painelpolitico.com/grupos-de-noticias.

Jovens que jogam videogame moderadamente são socialmente bem ajustados

Um novo estudo sugere que jovens que jogam videogame moderadamente são sociáveis. A pesquisa, realizada pela Universidade de Oxford, descobriu que os adolescentes que jogam por um curto período de tempo são mais bem ajustados socialmente do que os que nunca jogam ou que o fazem excessivamente. O estudo não encontra efeitos positivos ou negativos para aqueles que jogavam moderadamente. No entanto, o estudo publicado na revista Pediatrics sugere que a influência dos videogames sobre as crianças, para o bem ou para o mal, é muito pequena quando comparada com outros fatores duradouros, como a família, as suas relações escolares e condições financeiras. Este é o primeiro estudo que examina os efeitos positivos e negativos que o uso de jogos representa em jovens. A pesquisa utilizou 5 mil jovens, divididos proporcionalmente entre homens e mulheres, de diversas regiões do Reino Unido. Os participantes, entre 10 e 15 anos, foram questionados sobre quanto tempo eles normalmente gastam em jogos. O mesmo grupo também respondeu a perguntas sobre quão satisfeitos eles estavam com suas vidas, seus níveis de hiperatividade e de desatenção. Além disso, foram avaliadas a empatia dos jovens e como eles conheciam outros adolescentes.

Comentários
Carregando