fbpx
Comandante da PM de Buritis esclarece conflito que resultou em morte de policial

O Comandante da Polícia Militar do Município de Buritis relatou sobre o confronto ocorrido entre policiais da Força Nacional e moradores do distrito de Rio Pardo, distrito de Porto Velho, que ocasionou a morte de um policial identificado como Luis Pedro de Sousa Gomes.

Segundo o Comandante, os manifestantes quebraram um prédio em construção da Polícia Militar, queimaram pontes e cercaram os policiais que tentaram conter o tumulto. “A Força Nacional tinha uma missão de verificar a possibilidade de policiais ainda como reféns, porém uma parte agressiva dos manifestantes rendeu a guarnição e alvejou um policial”, disse o Comandante.

Após a informação de um policial baleado, guarnições policiais de municípios próximos foram encaminhadas para o distrito. “Os policiais tentaram resgatar o policial baleado, mas os manifestantes partiram contra a vida dos demais policiais. Depois de algum tempo, conseguimos retirar os policiais cercados, mesmo com troca de fogo entre a polícia e os manifestantes. Retiramos o policial baleado que foi levado ao hospital do município de Candeias do Jamari, mas infelizmente ele não chegou com vida ao hospital”, afirmou o Comandante.

O Comandante também não descarta a possibilidade de haver outras pessoas baleadas devido à intensidade do confronto, porém, viaturas continuam realizando rondas por toda a região.

Veja o vídeo:

Com informações do Rondoniaovivo

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta