Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Comandante da PM quer apoio das Forças Armadas para prender assassinos de coronel

Coronel Wolney Dias afirmou que o comandante militar do Leste já se colocou à disposição para as operações.

0

O comandante geral da Polícia Militar, coronel Wolney Dias, afirmou nesta quinta-feira (26) que, após a morte do comandante do 3º BPM (Méier), existe a possibilidade de chamar as Forças Armadas para atuar em conjunto com a Polícia Militar na caçada aos assassinos do coronel Luiz Gustavo Teixeira.

“Há pouco, falei com o secretário de segurança sobre a possibilidade de receber apoio das Forças Armadas, e o comandante militar do Leste já se colocou à disposição. Vamos pedir uma reunião com o CML para dar uma posição a este respeito ” , afirmou Wolney.

O comandante da PM também afirmou que a corporação fará um cinturão de segurança na região para prender os criminosos e que o quartel-general da corporação está sendo transferido para o batalhão do Méier. Serão empregados 300 homens de diversos batalhões da capital, do Comando de Operações Especiais (COE) e do Batalhão de Policiamento em Vias Especiais (BPVE).

As operações poderão fechar Autoestrada Grajaú Jacarepaguá, a Avenida 24 de Maio e a Rua Barão do Bom Retiro, acessos às maiores favelas da região. Na tarde desta quinta (26), a Grajaú-Jacarepaguá já foi fechada para a ação da PM.

“Nós estamos no Complexo do Lins e em diversos locais, Cachoeirinha, Gambá e outros que, à medida que estamos recebendo informação, vamos operando”, disse Wolney.

Fonte: g1/rj

Comentários
Carregando