Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Como exigir que o policial arrisque a vida se o Estado não paga, diz Mariano Beltrame

0

“É muito difícil. A gente está preparado para situações bem complicadas. Temos procurado estudar maneiras de manter aquilo que se conquistou, mas avançar é muito difícil”.

A avaliação é de José Mariano Beltrame, secretário de Segurança do Estado do Rio de Janeiro há quase dez anos, sobre o futuro da segurança no Rio depois das Olimpíadas, quando os reforços militares e policiais deixarem a cidade.

Para ele, a crise econômica vivida pelo RJ acrescentou ainda mais dificuldades a uma área já complexa. “Como é que você vai fazer as coisas com os policiais sem salário? Com os batalhões às vezes sem alimentação? Imagina eu chegar pra você e dizer que você vai receber só meio salário. Como é que eu vou exigir que o policial saia para a rua, arrisque a vida e se comprometa com a sociedade, se esse Estado não paga?”, questiona.

Desde o final do ano passado, os servidores públicos do Estado, entre eles policiais civis e militares, têm enfrentado atrasos e suspensões de pagamentos de seus salários. Só recentemente, graças à ajuda de R$ 2,9 bilhões recebida do governo federal, foi possível programar o pagamento de salários atrasados dos agentes de segurança.

Comentários
Carregando