Conetur: Turismo em Guajará-Mirim vai ser incrementado com a construção de dois centros culturais

O superintendente do Turismo em Rondônia, Júlio Olivar, anunciou esta semana investimentos na ordem R$ 2,14 milhões, do Ministério da Saúde, com contrapartida de R$ 350,7 mil do Governo do Estado, na construção de dois centros culturais em Guajará-Mirim.

Os dois centros servirão de oficina para as agremiações Malhadinho e Flor do Campo, que anualmente realizam o tradicional Duelo da Fronteira, uma das festas populares do Estado e que atraem inúmeros turistas à cidade. A festa é comparada em tamanho e tradição ao Flor-do-Maracujá, em Porto Velho.

O presidente do Conselho Empresarial do Turismo em Rondônia (Conetur), Raniery Coelho, ressaltou que Guajará-Mirim (além de Porto Velho) foram as cidades escolhidas em 2016 para serem incluídas no projeto de desenvolvimento turístico pelo conselho e o anúncio feito só vem somar com as ações que estão sendo planejadas.

“O Duelo da Fronteira é certamente uma das maiores festas folclóricas da cidade, mas Guajará-Mirim possui vários outros atrativos. Estamos trabalhando para tornar e estruturar esses locais em pontos turísticos sustentáveis. Para isso, a parceria com o Governo do Estado será imprescindível”, comentou Raniery.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Deixe uma resposta