Confúcio perde o mandato e Expedito pode ser governador

[su_frame align=”right”] [/su_frame]Por 4 votos 3 o Tribunal Regional Eleitoral acatou a ação por abuso de poder econômico de Confúcio Moura e determinou a cassação do governador Confúcio Moura e de seu vice, Daniel Pereira. Com isso, em via de regra, assume o segundo colocado nas eleições, no caso o ex-senador Expedito Júnior. O caso mais emblemático nesse tipo de decisão aconteceu no Maranhão, quando Roseana Sarney, que havia ficado em segundo lugar assumiu. Confúcio e seu vice perderam o mandato por distribuição de alimentos no dia da convenção para mais de 2 mil pessoas que estavam presentes ao evento, sendo que a grande maioria, conforme relatou o juiz Delson Xavier em seu voto, “sequer eram filiados a alguma agremiação”. O juiz José Robles, que votou a favor de Confúcio também destacou em seu voto que haviam “até crianças no local”, mas mesma assim acompanhou o relator, Roosevelt Queiroz, que havia votado também a favor de Confúcio.

Os recursos em ações eleitorais, em sua maioria, não preveêm efeito suspensivo, ou seja, o réu recorre, mas fora do cargo. Após a publicação do Acórdão pode ser que ocorra a diplomação de Expedito Júnior e sua posse na sequência.

News Reporter
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

1 pensou em "Confúcio perde o mandato e Expedito pode ser governador"

  1. Parabéns aos que votaram para a perca do mandato de Confúcio Moura. ..sabemos que os atos de corrupção vão muito além deste que está sendo investigado. ..pois a distribuição de combustível na véspera das eleições era descarada nas ruas.

Deixe uma resposta