fbpx
Conheça o alarme que pode evitar estupros ao acionar seus contatos

A cientista do MIT Manish Mohan preocupa-se com a violência à qual as mulheres estão expostas. Em busca de ideias que trouxessem mais segurança, ela chegou a um resultado genial: um sensor que monitora quando as roupas da usuária não estão sendo tiradas da forma rotineira.

O aparelho possui um sensor e um microchip que memorizam a forma que a usuária remove a peça de roupa onde ele está colado. Caso detecte algo fora do comum, uma mensagem é enviada para o celular da dona do dispositivo perguntando se ela está bem. Se não houver resposta em 30 segundos, o adesivo produz um som alto para alertar quem está por perto.

Enquanto isso, ele manda mensagens para 5 contatos escolhidos previamente pela usuária. Em seguida, o telefone começa a gravar um áudio do que está acontecendo e liga para um dos contatos. Caso a situação não seja violenta ou de risco, a dona do aparelho tem 20 segundos para desligar o alarme.

Nada impede que o dispositivo seja usado também por homens, é apenas um adesivo que pode ser colado nas roupas. O aparelho foi criado para mulheres, já que elas sofrem maior taxa de violência sexual. Dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificações (Sinan) mostram que 89% das vítimas de estupro são do gênero feminino.

Em entrevista ao Financial Express, a criadora Manisha Mohan compartilhou que a proposta dos pesquisadores que trabalharam com ela era “combater os estupros em universidades e o abuso sofrido por crianças, idosos e pessoas deficientes”.

Fonte: metropoles.com

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta