Corinthians oferece R$ 700 mil para Tite; proposta pode ser aceita

O Corinthians fez uma proposta para Tite voltar ao clube em 2015 como o técnico mais bem pago do país.

A Folha apurou que a diretoria alvinegra ofereceu nesta semana um salário de R$ 700 mil mensais para o treinador retornar ao clube. O contrato proposto prevê um ano de duração, terminando em dezembro de 2015.

A tendência é Tite aceitar. O Corinthians já definiu que, mesmo fechando a contratação agora, o técnico só será apresentado em janeiro. Marcou o evento para o dia 5.

Com este salário, Tite será o técnico mais bem pago do país, superando Marcelo Oliveira. O treinador cruzeirense, bicampeão brasileiro, renovou contrato na semana passada e receberá em 2015 R$ 600 mil mensais –ele recebia R$ 450 mil.

O salário oferecido a Tite é, inclusive, maior do que Mano Menezes recebia no Corinthians neste ano: cerca de R$ 640 mil por mês.

A diretoria do Corinthians deu prazo até a próxima segunda-feira (15) para anunciar o novo treinador. Tite deve aceitar a proposta. O técnico deixou claro para seu estafe que sua vontade é de retornar ao Parque São Jorge.

A questão financeira, de acordo com amigos de Tite, não seria entrave para o acerto com o Corinthians. Com a proposta de R$ 700 mil mensais, o dinheiro não será, de fato, empecilho.

O salário é o mesmo que Tite recebia em 2013, último ano à frente do Corinthians. Este montante fora acertado logo após as conquistas do Mundial de Clubes e da Libertadores de 2012.

Em 2013, no entanto, o desempenho do time não foi bom, e a diretoria do Corinthians decidiu não renovar com Tite. Para seu lugar, Mano Menezes foi contratado.

Além do Corinthians, Tite também interessa ao Internacional. Mas a preferência é pelo clube paulista. A possibilidade de voltar a trabalhar com Roberto de Andrade, candidato à presidência, pesa a favor do Corinthians.

O cartola, inclusive, já vem conversando com o estafe de Tite desde antes do fim do Brasileiro para convencê-lo a retornar ao Corinthians. Só nesta semana, porém, a diretoria do clube conversou oficialmente com o empresário do técnico, Gilmar Veloz.

Após o anúncio, Tite deve participar nas próximas semanas de reuniões para definir o planejamento de 2015.

Pelo menos três contratações dependem do aval do novo técnico para serem efetivadas: do volante Cristian, do lateral Edilson e do atacante Leandro, que estava na Chapecoense.

O Corinthians já tem acertos verbais com esses jogadores, mas quer a palavra final do novo técnico para efetivar os acordos.

Se acertar, Tite será apresentado no dia 5 de janeiro e já viajará com o time no dia 7 para os EUA, onde comandará a pré-temporada.

Folha.com

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário