fbpx
Corpos de Cristiano Araújo e namorada vão seguir em cortejo por Goiânia

O casal deve ser enterrado junto, em cerimônia programada para as 11h, no Cemitério Jardim das Palmeiras. Eles morreram em um trágico acidente de carro na BR-153

Desde o meio-dia dessa quarta-feira (24/6) até a manhã de hoje, cerca de 45 mil pessoas passaram pelo Centro Cultural Oscar Niemeyer, em Goiânia, para se despedir do cantor Cristiano Araújo, de 29 anos, e da namorada dele, a estudante Allana Coelho Pinto de Moraes, de 19. A estimativa é da Polícia Militar. Os corpos chegaram ao Palácio da Música por volta de 18h20, em cerimônia primeiramente para familiares e amigos. Por volta das 19h50, os fãs começaram a entrar e o velório continuou pela madrugada. A previsão é de que o casal seja enterrado junto, às 11h desta quinta-feira (25/6), no Cemitério Jardim das Palmeiras.

O corpo de Allana saiu em um carro funerário depois das 6h em direção ao cemitério. Já o corpo de Cristiano Araújo será levado em cortejo, às 10h30, por um caminhão do Corpo de Bombeiros, que passará por várias avenidas de Goiânia. Um culto ecumênico foi realizado no Espaço Arraia, em Itumbiara, local em que o cantor cantou pela última vez. Os shows que ocorreriam durante esta semana foram adiados para a próxima, em respeito ao momento de dor.

Breno Fortes/CB/DA Press

No começo da manhã de hoje havia menos pessoas no centro cultural, mais familiares e amigos do casal. A estimativa é de que aproximadamente 40 mil pessoas tenham participado do velório. O cantor Leonardo e a dupla Jorge & Mateus foram ao velório durante a madrugada. Foram os únicos famosos que puderam se despedir próximos aos caixões. Leonardo chegou por volta de 1h30 e ficou até às 3h, quando a dupla sertaneja chegou. No fim da noite, Bruno, da dupla com Marrone, também compareceu para o adeus.

Breno Fortes/CB/DA Press

Entenda
O casal morreu na manhã da quarta-feira (24/6) após sofrer um grave acidente de carro durante a madrugada, no km 614 da BR-153, entre os municípios de Goiatuba, Morrinhos e o trevo de Pontalina, em Goiás. O cantor e a namorada voltavam de um show na cidade de Itumbiara, no sul do estado e a 200km de Goiânia, junto ao segurança Ronaldo Ribeiro, que dirigia a Range Rover, e o empresário Victor Leonardo.

[su_frame align=”right”] [/su_frame]O veículo, uma Range Rover, saiu da pista e capotou no canteiro central, por volta das 3h, de acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Com a violência do acidente, o corpo da jovem foi arremessado para fora do veículo. Ela morreu no local. Cristiano foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado ao Hospital Municipal de Morrinhos, em estado grave. Em seguida foi transferido em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Móvel até a capital, foi levado de helicóptero para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), mas já chegou sem vida, de acordo com o diretor da unidade. A notícia da morte do cantor foi confirmada pouco depois das 8h.

O segurança Ronaldo Ribeiro, que dirigia o veículo, e o empresário Victor Leonardo, tiveram apenas ferimentos leves. Eles foram inicialmente levados ao Hospital Municipal de Morrinhos e, depois, transferidos ao Instituto Ortopédico de Goiânia (IOG), onde permanecem internados. O motorista e segurança do cantor, Ronaldo Miranda, está internado na unidade de terapia intensiva sem a ajuda de aparelhos. Já o empresário, Vítor Leonardo da Silva Ferreira, sofreu escoriações leves na face e nos membros inferiores e superiores.

Investigação
A causa da morte de Cristiano Araújo foi hemorragia interna no abdômen, de acordo com o gerente do Instituto Médico-Legal de Goiânia, Marcellus Arantes. “Diversos vasos sanguíneos se romperam no abdômen em decorrência do choque”, explicou. O cantor também sofreu fraturas no ombro, nas pernas, nos braços e crânio.

A Polícia Civil já solicitou um laudo cadavérico das vítimas fatais e fo i feita perícia no local do acidente, para tentar esclarecer as circunstâncias do acidente. As análises devem apontar se Cristiano e Allana usavam ou não o cinto de segurança. O veículo ficou totalmente destruído. Segundo a PRF, a pista onde ocorreu a capotagem está em bom estado de conservação. Cristiano deixa dois filhos, João Gabriel e Bernardo.

História de sucesso
Cristiano Melo Araújo nasceu em Goiânia, em 24 de janeiro de 1986. Cantor, instrumentista e compositor de música sertaneja, ele tinha contato com música desde criança. De acordo com a biografia publicada no site oficial do cantor, Cristiano ganhou o primeiro violão aos seis anos e, aos nove, começou a fazer as primeiras apresentações públicas.

A primeira composição surgiu quando o cantor tinha apenas 10 anos. Desde então, começou a ser procurado por artistas interessados nas letras que escrevia. O primeiro CD veio aos 13 anos, com cinco faixas. Em 2010, Cristiano resolveu seguir carreira solo, preparando a gravação de um CD e um DVD com participações de vários artistas.

Em janeiro de 2011, o projeto foi concretizado, com a ajuda de grandes cantores e amigos, como Jorge (da dupla Jorge e Mateus), Gusttavo Lima, Humberto e Ronaldo, entre outros. Algumas canções se transformaram em hits, como “Bará bará” e “Você mudou”, uma versão de “Making love out of nothing at all”, do Air Supply. Outras músicas também compõem o repertório de sucesso do cantor, como “Efeitos” – uma das mais conhecidas –, “Mente pra mim”, “Maus Bocados” “É com ela que eu estou”, “Hoje eu tô terrível” e “Maus bocados”.

Adriana Izel  e Jacqueline Saraiva do Correio Braziliense – CONFIRA A REPORTAGEM NO SITE DO CORREIO

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta