Crowdfunding não pode ser usado arrecadar recursos eleitorais

“Vaquinhas virtuais” foram proibidas em 2014

O TSE decidiu que não podem ser realizadas doações eleitorais por aplicativos de celular ou outros mecanismos de crowdfunding.

Segundo O Globo, “a ministra Maria Thereza de Assis Moura, que relatou o tema, destacou que a questão já tinha sido levantada em 2014 e que, como não houve alteração legislativa, não havia motivo para o TSE permitir esse tipo de arrecadação neste ano”.

Quem informa é o O Antagonista, que finaliza, “crowdfunding, portanto, só pode ser usado para fretar jatinhos”

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta