Daniel Pereira e Lindomar Garçon vão à Presidência do Banco do Brasil para evitar quebradeira do estado

O Coordenador da bancada federal, deputado Lindomar Garçon (PRB-RO), intermediou nesta tarde em Brasília, um encontro entre o Diretor de Governo do Banco do Brasil, Ênio Mathias Ferreira, e o governador de Rondônia, Daniel Pereira, para evitar quebradeira do estado.

O Governador explicou ao Diretor o momento crítico que Rondônia está passando em relação à dívida do BERON. A situação é parecida com a que aconteceu com o governo de Minas Gerais e do Rio de Janeiro, que teve o sequestro de sua dívida mesmo depois de um acordo, mas o STF recuperou a situação. A diferença é que o governo de Rondônia tem uma dívida com prazo mais curto e parcelas mais onerosas, na casa de R$ 500 milhões, o que desalinha as contas do estado, que possui um orçamento de sete bilhões de reais.

Daniel Pereira contou com a gentileza do deputado federal Lindomar Garçon que marcou audiência com a Direção Nacional do Banco do Brasil, correspondente do Tesouro Nacional, para pedir redução e elasticidade no parcelamento da dívida, o qual foi assinado o sétimo termo aditivo.

Por sua vez, Garçon, preocupado com a situação, cancelou sua agenda eleitoral no estado para acompanhar o Governador na audiência e afirmou que se não buscarmos uma solução agora, o estado pode entrar em colapso, até o pagamento de servidores e fornecedores poderão ficar comprometidos.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Participe do debate. Deixe seu comentário