fbpx
Decreto de Trump dificulta emissão de visto a brasileiros

Mesma ordem que vetou muçulmanos endurece regra para obtenção e renovação de visto.

Brasileiros que desejam solicitar o visto de entrada no Estados Unidos, a partir de agora, também serão impactados pela mesma ordem executiva emitida pelo presidente Donald Trump na última sexta-feira, dia 27, que baniu a entrada de refugiados sírios no país e vetou o ingresso de cidadãos de sete países de maioria muçulmana no país por 90 dias.

A embaixada dos EUA no Brasil confirmou ao site UOL que a principal mudança refere-se aos pedidos de renovação de visto. A partir de agora, solicitantes que pedirem a renovação de seus vistos na mesma categoria deverão passar por entrevista – antes, ela era dispensada se o pedido fosse feito até 48 meses após o vencimento.

As regras para a isenção da entrevista no primeiro pedido de visto também mudaram. A partir de agora, somente quem tem menos de 14 anos ou mais de 79 anos está dispensado. Antes, jovens entre 14 e 15 anos e idosos acima de 66 anos que pediam o visto pela primeira vez não precisavam realizar a entrevista no Consulado.

As novas regras começaram a valer nesta semana. As medidas batem de frente com a expectativa de que a entrada de brasileiros nos Estados Unidos seria facilitada, uma vez que o próprio governo americano, na gestão de Barack Obama, havia confirmado que estudava o fim da exigência de visto para nascidos no Brasil.

O maior rigor também contraria a previsão do embaixador do Brasil em Washington, Sergio Amaral. Em análise feita no dia da posse de Trump, o representante disse acreditar que, a curto prazo, a entrada de brasileiros nos Estados Unidos poderia ser simplificada com o novo presidente.

Vale lembrar ainda que solicitantes com o visto expirado há menos de 12 meses que pretendem renová-lo na mesma categoria também não precisam passar pela entrevista. A versão traduzida da ordem executiva está disponível no site da Embaixada dos EUA no Brasil.

De acordo com o Travel State Government, o Departamento de Estado dos EUA, o número de requerentes de visto no Brasil quase dobrou desde 2010. De acordo com um documento publicado no site do departamento, existe o mito de que a Embaixada dos EUA e Consulados no Brasil recusam a maioria dos pedidos de vistos apresentados por brasileiros.

“Em todo o Brasil, nossos três Consulados (Rio de Janeiro, Recife e São Paulo) e a Embaixada dos EUA em Brasília emitiram mais de um milhão de vistos de não-imigrantes no ano fiscal de 2014. A grande maioria dos pedidos de visto de não-imigrante foi aprovada”, conforme documento. Mais de 2,2 milhões de brasileiros viajaram para os Estados Unidos no mesmo período de 2014. O Itamaraty foi procurado pela reportagem para se posicionar sobre as mudanças, mas não retornou até o fechamento desta edição.

Fonte: otempo.com

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta