fbpx
Delcídio discursa nesta terça no senado e dirá que foi vítima de uma armadilha
O senador Delcídio do Amaral está concluindo o discurso que fará nesta terça-feira (23) no Senado Federal.  Delcídio vai buscar o caminho da ‘vitimização’.
Após decisão proferida pelo ministro Teori Zavascki, do STF, na última sexta-feira, o senador que estava preso há 87 dias, e agora cumpre prisão domiciliar, está autorizado a trabalhar e exercer o seu mandato no Senado Federal.
[su_frame align=”right”] [/su_frame]De acordo com matéria veiculada no jornal ‘Folha de São Paulo, a estratégia do senador de Mato Grosso do Sul, será adotar um tom emotivo, alardear inocência e denunciar que foi vítima de uma armadilha.
Com relação ao colegas senadores, Delcídio já teria enviado recado: “Se me cassarem, levo metade do Senado comigo”, A frase foi entendida como uma ameaça de que está decidido a entregar seus pares caso lhe tirem a cadeira de parlamentar.
Na parte jurídica, o objetivo é conseguir a anulação das provas obtidas através das gravações efetuadas por Bernardo Cerveró.
Será que um eventual êxito de Delcídio, com a consequente anulação das provas e a confirmação da manutenção de seu mandato, significa a confirmação do que ele próprio alardeou com relação aos ministros do STF?
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta