Deputado da tatuagem troca mensagens picantes em votação na Câmara

Depois de tatuar o nome de Michel Temer no ombro e fazer uma enfática defesa do presidente ao anunciar seu voto pelo arquivamento da denúncia contra o peemedebista, o deputado Wladimir Costa (SD-PA) passou boa parte da sessão desta noite na Câmara trocando mensagens nada republicanas com, ao menos, três interlocutoras via WhatsApp. A sequência de imagens foi flagrada pelas lentes do fotógrafo Lula Marques, um dos mais experientes na cobertura política na capital.

Nas fotos, é possível ver as mensagens encaminhadas por Wladimir Costa a uma moça jovem e de cabelos negros, e a outras mulheres. “Mostra sua bunda, mostra”, pede o político a uma delas. “Não são suas profissões que as destacam como mulher, é sua bunda. Vai lá. Põe aí, garota”, acrescenta. Depois de postar emojis com sorrisos e gargalhadas, a mulher responde: “Sem graça”.

Veja os diálogos abaixo: 

Não é a primeira vez que Marques faz imagens como essas. Em diversas ocasiões, sempre durante votações importantes, o fotógrafo capturou com suas lentes cenas assim no Senado e na Câmara dos Deputados. São dele, por exemplo, os registros das mensagens de apoio mandadas para o senador Aécio Neves (PSDB-MG) por sua mulher, Letícia, pouco antes de o tucano discursar no Senado sobre as denúncias da JBS.

O fotógrafo também captou a “bronca” que Jair Bolsonaro (PSC-RJ) deu no filho, o também deputado Eduardo Bolsonaro (PSC-SP), que não compareceu à sessão que elegeu Rodrigo Maia (DEM-RJ) para presidente da Câmara em fevereiro.

Fonte: metropoles.com

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta