Deputado Léo Moraes relata caos no transporte coletivo da capital

A situação do transporte coletivo em Porto Velho foi o principal tema do pronunciamento do deputado Léo Moraes (PTB), no plenário da Assembleia Legislativa, na quarta-feira (2). Segundo ele, além do contrato recheado de erros, os veículos disponibilizados são verdadeiras sucatas, simplesmente pintadas.

De acordo com o deputado Léo Moraes se constata atualmente um grande descontentamento da população, com relação ao sistema de transporte coletivo, pois o que já era ruim ficou agora ainda pior, com a celebração do novo contrato emergencial, para a exploração destes serviços. Segundo ele, esta situação coloca em risco a integridade dos seus usuários.

Ainda de acordo com o deputado, é lastimável o que vem ocorrendo, mas tudo isto já era esperado, pois o processo da concessão começou errado e tinha que terminar errado. Observou ele, já ter encaminhado denúncia ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas.

Porto Velho, de acordo com o parlamentar é a capital mais feia do país, e seu povo penalizado com um transporte de péssima qualidade. Esta questão, segundo seu entendimento, afeta diretamente quem mais necessita e é obrigada a utilizar um serviço sem qualidade, com ônibus velhos, que constantemente “quebram” (problemas mecânicos), penalizando ainda mais os usuários.

Ao concluir, o deputado Leo Moraes disse que muitas promessas não estão sendo cumpridas, como no caso da internet, climatização, e ônibus suficientes para atender a grande demanda.

Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Participe do debate. Deixe seu comentário