Deputado pede explicações sobre morte de crianças no HB

O deputado estadual Cláudio Carvalho (PT-Porto Velho) encaminhou indicação à Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social, pedindo explicações sobre matérias veiculadas nos últimos dias, dando conta da morte de 14 crianças na UTI do Hospital de Base de Porto Velho, Dr. Ari Pinheiro.
Segundo o deputado, a denúncia é grave e precisa ser investigada com muito rigor. Durante seu pronunciamento na Assembleia Legislativa, o deputado até elogiou algumas melhorias no atendimento na rede estadual de saúde, mas frisou: “temos que melhorar e muito, acontecimentos como este são inaceitáveis e precisamos de uma resposta urgente e coerente”

Cláudio disse que segundo informações extra-oficiais, uma criança do estado do Acre teria vindo com a bactéria que causou a morte dos demais e que a UTI do HB estaria interditada. Para o deputado a justificativa é muito fraca diante de tantas mortes em tão pouco tempo sem nenhuma explicação para a sociedade.

No documento encaminhado pelo deputado ele faz os seguintes questionamentos:

1) Quando se deram as mortes?

2) Qual o conhecimento do Governo do Estado acerca do fato ocorrido?

3) Qual o intervalo entre as mortes?

4) Quais as providências efetivamente adotadas?

5) A saúde do nosso Estado, com toda sua complexidade e peculiaridade deve ser submetida a uma nova forma de gestão?

6)Houve negligência por parte do Governo do Estado, SESAU ou da administração daquele Hospital?

Diante destes questionamentos, o deputado disse esperar que o Estado se manifeste o quanto antes para que a população possa se sentir mais segura quando precisar do sistema de saúde pública do Estado.

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!
Anterior «
Próximo »

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

  • twitter
  • googleplus

Deixe uma resposta

Direto de Brasília